Olhar Direto

Domingo, 19 de novembro de 2017

Opinião

O poder do voto das mulheres

Autor: Carlos Fávaro

06 Nov 2017 - 10:45

Neste início de novembro, dia 03, o Brasil comemorou a Instituição do Direito de Voto da Mulher, que ocorreu no ano de 1930. Contudo, as mulheres exerceram esse direito, votando pela primeira vez, somente na eleição de 1933 para a Assembleia Nacional Constituinte.
 
Hoje, 84 anos depois, as mulheres passaram a ser maioria no universo de eleitores. Nas últimas eleições, dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apontaram que 53% do eleitorado brasileiro é composto por mulheres. Em números, isso significa mais de 76,5 milhões mulheres, de todas as faixas etárias, em um universo de 146 milhões de votantes. Além disso, desde o ano de 2000, o número de eleitoras ultrapassa o de eleitores.
 
No PSD de Mato Grosso, temos o orgulho em ser um partido com 4.578 mulheres filiadas em situação ativa. São lideranças importantes para defender os nossos ideais e esse é mais um motivo para unir a sigla com ações que envolvam as mulheres.
 
Nesta data tão importante, sinto-me honrado em ter ajudado a criar, em setembro deste ano, a coordenação estadual do PSD Mulher. O ato contou com a participação de mais de 30 lideranças mulheres, entre vereadoras, ex-prefeitas, militantes e presidentes de diversos núcleos femininos e municípios.
 
Essas destemidas mulheres já vêm trabalhando para promover encontros microrregionais e regionais para, desse modo, ampliar a participação feminina na política. Porque é fato, Mato Grosso e o Brasil precisam das mulheres dentro dos partidos, opinando e ajudando a construir um novo modo de fazer política.
 
Aliás, fazer política de boa qualidade, com ética, responsabilidade e coerência é fundamental. O país vive um momento político e econômico muito desafiador. Enfrentamos quiçá a maior crise de todos os tempos. Mas talvez, a pior delas esteja entranhada na estrutura atual que move a sociedade brasileira: a crise moral.
 
Quantos escândalos de corrupção envolvendo grandes nomes ou mesmo pessoas anônimas. Por onde passo tenho ouvido muitos manifestos de desestímulo para ir às urnas nas próximas eleições. Por isso é imprescindível apontarmos algumas soluções e a mais importante delas é conclamar as mulheres da nossa sociedade ao seu importante papel na política, seja como eleitoras ou candidatas.
 
Filho de pequenos produtores, criado no interior do Paraná com uma vida muito simples, eu sei a importância da voz feminina para a família, e o quanto se prospera ao valorizar e respeitar a mulher em qualquer ambiente onde ela esteja. Porque, como mãe, esposa, filha, professora, amiga, ela é geralmente a figura que humaniza, pacifica, compartilha, agrega e, principalmente, cuida.
 
No PSD, as mulheres têm participação ativa e garantida! Somos um partido que une homens e mulheres com o mesmo objetivo: trabalhar muito por Mato Grosso. E vamos garantir sempre a voz das mulheres em todas as frentes que elas queiram ocupar. Parabéns a todas por este dia que tem muito a ser comemorado e que representa uma luta contínua para que nossas lideranças sejam ouvidas e consigam cada vez mais espaço para mostrar o seu valoroso trabalho.
 

Carlos Fávaro, presidente do PSD-MT, vice-governador de MT e secretário de Estado de Meio Ambiente
Sitevip Internet