Olhar Direto

Segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Notícias / Mundo

Tatuagem de suspeito de matar a própria mulher dá pistas sobre crime

Terra

21 Nov 2016 - 11:20

Na Espanha, a polícia prendeu um suspeito de homicídio foragido e encontrou uma pista importante sobre o crime em uma tatuagem sua.

O homem estava sendo procurado pela polícia alemã após o assassinato de sua namorada na Baviera, no sudeste da Alemanha.

As autoridades não sabem a data exata da morte, mas uma tatuagem do homem mostra seu nome, Lisa, e data de falecimento - 27 de outubro de 2016.

O homem foi preso em Lloret de Mar, na Catalunha, com o filho de 18 meses do casal, que estava em boas condições de saúde.

O corpo da mulher fora encontrado por sua mãe na semana passada em um bloco de apartamentos na cidade alemã de Freyung, perto da fronteira checa.

Uma autópsia inicial apontou que a mulher morrera cerca de três semanas antes de ser encontrada.

A polícia federal da Espanha disse que o telefone celular da vítima tinha sido levado pelo suspeito com a intenção de usar suas redes sociais, enganando investigadores.

O homem, identificado na Alemanha como Dominik R, foi rastreado na Espanha depois de ter retirado dinheiro no país.

A polícia da Espanha, que o deteve após a emissão de um mandado europeu de prisão, acredita que ele estava a caminho do norte da África.

Em nota, a polícia federal espanhola disse que a tatuagem "pode ser interpretada como a data de morte (da vítima)". Agora, o suspeito aguarda extradição para a Alemanha.
Sitevip Internet