Olhar Direto

Sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Notícias / Política MT

Taques comemora afastamento de Renan da presidência do Senado: ‘a justiça está sendo feita’

Da Redação - Laíse Lucatelli

06 Dez 2016 - 09:08

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Taques comemora afastamento de Renan da presidência do Senado: ‘a justiça está sendo feita’
O governador Pedro Taques (PSDB) comemorou o afastamento de Renan Calheiros (PMDB-AL) da Presidência do Senado, na última segunda-feira (5). Durante lançamento do Portal da Transparência do governo estadual, ele afirmou que a justiça está sendo feita, e relembrou que tentou tirar o peemedebista do cargo.

Leia mais:
Ministro do STF afasta Renan da presidência do Senado
 
“Eu tentei afastar o Renan Calheiros da Presidência do Senado, mas perdi a eleição. Perdi de lavada. Eu acho que a justiça está sendo feita”, comentou Taques, em entrevista coletiva, relembrando sua candidatura derrotada em 2013, quando ele obteve 18 votos, contra 56 de Renan Calheiros.

O senador foi afastado do cargo pelo ministro Marco Aurelio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele atendeu a pedido do partido Rede Sustentabilidade e considerou que, como Renan Calheiros virou réu, não pode continuar no cargo por estar na linha sucessória da Presidência da República.

Na semana passada, o pleno do STF decidiu, por oito votos a três, abrir ação penal e tornar Renan réu pelo crime de peculato (apropriação de verba pública). Segundo o STF, há indícios de que Renan fraudou recebimento de empréstimos de uma locadora de veículos para simular movimentação financeira para pagar pensão à filha que obteve com a jornalista Mônica Veloso.

18 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Cidadão Atento!
    06 Dez 2016 às 23:12

    Hum, sei não. Parece que um certo delator andou falando de uma grana alta de caixa dois na campanha do governador eleito. Parece também que um certo ex-secretário da educação está preso preventivamente em razão de inúmeras falcatruas contra crianças carentes, cujos país não podem pagar por um ensino particular de real qualidade. Parece, ainda, que o governador colocou suas mãos no fogo por esse mesmo ex-secretário, por ele nomeado, claro (será que suas mãos estão chamuscadas?). Será que estou sonhando ou isso tudo é real e bastante presente no governo atual, que ajudei a eleger com o meu voto e cheguei a admirar nos primeiros dias de ilusão (ou seria enganação?!!). Cuidado com o teto de vidro, senhor governador.

  • Sônia
    06 Dez 2016 às 16:31

    Por causa desse s tipos e outros ruim de serviço que eu e minha família paramos de votar,ums rouba,outros não sabem trabalhar e melhor não votar

  • Hugo
    06 Dez 2016 às 14:48

    Como vcs puxam o saco desse governadorzinho.... ganham quanto???

  • Bertold
    06 Dez 2016 às 14:26

    "Tentei afastar o Renan Calheiros da Presidência do Senado, mas perdi a eleição". É... faz horas que o Pedro Taques se considera o supra-sumo mesmo. Me emociona tanta modéstia.

  • Davi
    06 Dez 2016 às 13:48

    O Ministro Celso de Melo, primo de Fernando Color de Melo, senador que também é réu na Operação Lava Jato, em decisão monocrática afasta o Presidente do Senado para que um senador do partido com mais envolvidos nas investigações, senador Jorge Viana do PT assuma interinamente a presidência, próximo ao recesso do STF, que somente analisará no pleno em janeiro. Quem quiser comemorar comemore, mas tem algo de errado na Republiqueta das bananas.

  • haroldo
    06 Dez 2016 às 13:06

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Servidor
    06 Dez 2016 às 12:56

    O Governador esquece que ele tem um secretário preso e a delação do empreiteiro que disse que secretários da gestão atual pegou mesada durante alguns meses de 2015. Portanto, cuidado com a pedra que o senhor joga para cima Governador.

  • Hugo
    06 Dez 2016 às 12:17

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • servidor secid
    06 Dez 2016 às 12:06

    concordo com o governador ...ele é a prova que a tarefa de afastar esse cara nao era nada fácil

  • ANTONIO MARTINELLI
    06 Dez 2016 às 11:50

    E O CALOTE QUE VOCE DEU NOS SERVIDORES PÚBLICOS? QUANDO A JUSTIÇA SERÁ FEITA COM SEU AFASTAMENTO?

Sitevip Internet