Olhar Direto

Segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Notícias / Cidades

Após 15 dias, menina de 11 anos envenenada com soda cáustica recebe alta de hospital

Da Redação - Vinicius Mendes

13 Jul 2017 - 14:20

Após 15 dias, menina de 11 anos envenenada com soda cáustica recebe alta de hospital
A menina de 11 anos, que estava internada desde o dia 27 de junho, após ser envenenada com uma mistura de soda cáustica e limpa alumínio por uma colega, recebeu alta da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá nesta quarta-feira (12), depois de passar por uma cirurgia no esôfago.
 
A mãe da menina, Elaine Alves, informou ao Olhar Direto, que sua filha receberá cuidados agora em casa e não poderá comer alimentos sólidos.
 
Leia mais:
Menina de 13 teria avisado amigo que iria envenenar colega de 11 com soda cáustica e limpa alumínio
 
“Minha filha já recebeu alta, graças a Deus! Ela não precisou vir com sonda, vai comer só papinha por um período de 30 a 40 dias”, disse Elaine.
 
Elaine trabalha em casa vendendo bolos, e poderá cuidar da filha, que continua tomando remédios. Se após os 40 dias a saúde menina piorar ou ela sentir dores, deverá voltar para o hospital.
 
“Ela ainda está com feridas no esôfago e no estomago, está tomando Omeprazol. Se as feridas não cicatrizarem, ou se ela tiver alguma piora, vai ter que voltar ao hospital, mas se der tudo certo ela vai ficar sem nenhuma sequela”, contou a mãe.
 
Segundo Elaine, sua filha já está falando normalmente e já prestou depoimento para a Polícia Civil.
 
O caso é investigado pela Delegacia Especializada do Adolescente (DEA).
 
A mãe ainda fez uma postagem no Facebook agradecendo o apoio que recebeu e dizendo estar aliviada com a melhora da filha.
 
O caso
 
No último dia 27 de junho, a menina de 11 anos foi internada no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) após ingerir uma mistura de soda cáustica e limpa alumínio. O líquido foi oferecido para ela como sendo ‘vinho’, por uma amiga de 13 anos.

A garota precisou ser levada às pressas para a emergência, onde foi colocada uma sonda. O fato foi registrado no dia 27 de junho, no bairro São Francisco, em Cuiabá.

A vítima, teve a boca corroída e seu estômago 'colado' por causa do efeito da mistura.

A mãe da vítima, Elaine Alves, registrou um Boletim de Ocorrências (BO) sobre o caso e a garota agressora e sua mãe já prestaram depoimento à polícia.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Gilda
    14 Jul 2017 às 09:38

    Já prenderam a delinqüente q fez essa atrocidade??

  • Rosimeri kovaleski
    13 Jul 2017 às 18:02

    É o cúmulo do absurdo, se a menina teve coragem de fazer isso com essa idade, de que Será capaz de fazer quando for maior . Sou a favor de que, não, importa a idade se o crime for hediondo que a msm o pague conforme a lei, e que sofra as consequências de seu ato ...

Sitevip Internet