Olhar Direto

Terça-feira, 19 de setembro de 2017

Notícias / Cidades

Mãe pede ajuda para terminar quarto do filho internado há 7 meses e que precisará de Home Care

Da Redação - Letícia Ferro Ferraz

02 Ago 2017 - 14:43

Foto: Arquivo Pessoal

Mãe pede ajuda para terminar quarto do filho internado há 7 meses e que precisará de Home Care
A desempregada Suelen Maria de Souza, de 27 anos, continua na esperança de melhora do estado de saúde de seu filho caçula, o bebê de um ano e onze meses, Bryan Anthony de Souza. Ele está há quase sete meses no Pronto-Socorro Municipal, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O bebê está se recuperando bem e em breve irá para casa. Ela já conseguiu reformar o local para receber Home Care, mas ainda precisa algumas coisas antes de receber o filho.

Leia também:
Veja como ajudar mãe desempregada a instalar home care para filho com tumor na cabeça

Bryan volta para casa em duas semanas. O juiz autorizou a instalação de Home Care na última sexta (28). O tratamento que ele receberá em casa vai ser o mesmo que tem no hospital, com enfermeiro, fisioterapeuta, fonoaudiólogo e médicos durante 24h. Apesar das dificuldades e dos sofrimentos, a mãe do pequeno Bryan recebeu várias boas notícias nessas últimas semanas. Ela contou que conseguiu doações de fraldas e terminou a reforma de sua casa.

Quarto do Bryan já reformado, apenas esperando o Home Care ser instalado, mas ainda sem a porta do banheiro

Mas ainda faltam coisas antes de Bryan chegar, como o banheiro da casa, que ainda não tem porta. Bryan não tem roupas no seu tamanho (2 a 3 anos), nem guarda-roupa. “Qualquer forma que as pessoas puderem ajudar, já agradeço imensamente. Aceito qualquer roupa do tamanho dele, ele está pelado, só com fraldas.” conta Suelen.

Além disso, para auxiliar no tratamento em casa, a mãe conta que precisa de uma cadeira para a enfermeira que acompanhará ele 24h por dia. Bryan também precisará usar diariamente colírio Lacribell, pomada para assadura Nistatina e pomada para os olhos Regencel.

A mãe também pede ajuda para conseguir um aparelho de DVD, para auxiliar na recuperação dele, estimulando seus sentidos por meio de filmes e músicas infantis.

Histórico do Bryan

Bryan foi internado no dia 15/1 com pneumonia. No dia seguinte ele sofreu parada cardíaca por cerca de uma hora e foi internado na UTI. Horas depois teve várias convulsões contínuas que duraram até o dia 20/1. “Neste dia os médicos me disseram que se ele convulsionasse mais um dia, ele iria morrer. A partir daí comecei a orar muito, e entreguei a vida de Bryan nas mãos de Deus”, conta Suelen.

Depois disso, a mãe garante que a criança nunca mais convulsionou, porém não foram só notícias boas. “Depois da 1° tomografia, que ele fez em 28/1, mostrou que Bryan estava sem oxigênio no cérebro. Deste dia em diante, soube que Bryan ia depender da ventilação mecânica pelo resto da vida dele. Os médicos falaram que ele estava em estado vegetativo”, diz a mãe.

O tratamento começou a fazer efeito após cinco meses do ocorrido, quando ele começou a se mover voluntariamente. Bryan já diminuiu o uso do respirador e consegue respirar sem aparelhos por alguns momentos, além disso os órgãos estão bem, sem nenhuma infecção.

Inicialmente os médicos diagnosticaram o garoto com um tumor no cérebro, mas o atual diagnóstico da criança é de hidrocefalia, que só foi possível a descoberta através das ressonâncias magnética. “Bryan fez a primeira ressonância em 7 de fevereiro, ela mostrou uma massa encefálica infecciosa, e supostamente mostrava um tumor. Já na segunda ressonância ele fez em 19 de maio, a massa tinha sumido, virou água no cérebro, e os médicos diagnosticaram como hidrocefalia”, conta a mãe.

Por conta de matérias feito pelo Olhar Direto, Suelen conseguiu reformar grande parte da casa e conheceu o advogado Eder Pereira de Assis, que entrou em contato com Suelen e ofereceu ajuda para garantir, na Justiça, os procedimentos e tratamentos que o bebê precisa.

Expectativas de alta do hospital


Suelen com o filho nos braços na UTI

Suelen está desempregada e seu marido faz bicos em um lava jato. O casal tem mais dois filhos, um menino de sete anos e uma menina de quatro. Além da expectativa do caçula ir para casa, a família espera comemorar o aniversário do pequeno Bryan. “Só alegria, se Deus quiser vamos fazer uma festa dia 24 de agosto, ele faz 2 aninhos de puro amor”, diz a mãe emocionada.

Para oferecer ajuda de qualquer maneira à Suelen, basta entrar em contato pelo celular (65) 99323-9129 ou pela página pessoal no Facebook. Ainda é possível fazer depósito pela conta:

Caixa Econômica Federal
Agencia 4651
Operação 013
Conta 00009394-0
Suelen Maria de Souza

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet