Olhar Direto

Terça-feira, 19 de setembro de 2017

Notícias / Política MT

Citado em delação de ex-governador, Carlos Bezerra se defende e assegura que não é de “maracutaia”

Da Redação - Ronaldo Pacheco

12 Set 2017 - 15:23

Foto: Rogério Florentino Pereira / Olhar Direto

Carlos Bezerra diz  “Tenho 40 anos de vida pública! Sou ficha limpa!

Carlos Bezerra diz “Tenho 40 anos de vida pública! Sou ficha limpa!

Visto por muitos como homem forte da gestão anterior, o presidente do PMDB de Mato Grosso, deputado federal Carlos Bezerra (PMDB), assegurou que não existe nenhum fundamento nas acusações do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), em delação premiada à Procuradoria Geral da República (PGR), de que teria se beneficiado financeiramente nas obras da Estrada Parque Transpantaneira (MT-060).
 
“Trata-se de mais uma inverdade, a exemplo do que tentaram me incriminar no caso conhecido como Sanguessugas. Era uma acusação sem fundamento, quando a então ministra do Supremo Tribunal Federal, Ellen Grace, decidiu pelo arquivamento, porque não encontraram prova contra a minha pessoa”, afiançou Bezerra, que foi um dos padrinhos de Barbosa, na década de 1990, época do seu ingresso no PMDB.
 
Leia Mais:
- MPE investiga construtora acusada de pagar propinas para Bezerra em obras da MT-060

- Bezerra pegou propinas de obras em MT e deu calote de R$ 5 milhões em empréstimo ilegal, diz Silval

Com relação às supostas irregularidades nas obras da MT-060, o deputado Carlos Bezerra disse que está “absolutamente tranquilo”, e que se levarem o caso adiante, disse que provará sua inocência no STF.
 
 “Tenho 40 anos de vida pública! Sou ficha limpa e vou encerrar minha carreira política como ficha limpa. Não adianta citarem meu nome em delações no desespero de livrar a própria cabeça. Aquele que me acusar terá que provar, e prova nenhuma não existe, porque não me envolvo em maracutaias!”, afirmou Bezerra, para a reportagem do Olhar Direto.
 

Na delação homologada pelo STF, Barbosa citou Bezerra e sua esposa, ex-deputada Teté Bezerra (PMDB), como supostos beneficiados em esquemas do governo anterior. Então deputada estadual, Tetê foi candidata a vice-governadora na chapa encabeçada pelo ex-vereador Lúdio Cabral (PT) para o governo de Mato Grosso, em 2014. A chapa apoiada por Silval foi derrotada pelo atual governador José Pedro Taques (PMDB), à época representando a oposição, no primeiro turno.

14 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Stand-up
    13 Set 2017 às 08:53

    É um stand-up????? kkkk

  • Paulo Barth
    13 Set 2017 às 07:35

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Branco
    13 Set 2017 às 06:47

    Esse homem passa óleo de peroba na cara?? PIOR GOVERNO QUE MATO GROSSO TEVE, SÓ TEVE MARACUTAIA OU ESTOU ENGANADO.

  • ziraldo
    13 Set 2017 às 05:59

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • ziraldo
    13 Set 2017 às 05:59

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Léo
    12 Set 2017 às 23:45

    Acreditar nessa história espúria é o mesmo que acreditar que o Silval é inocente.

  • Nícolas
    12 Set 2017 às 22:36

    Porque investem tanto para serem eleitos? Eu penso que para termos um país melhor a principal responsabilidade é do povo, de nós eleitores darmos uma resposta a todas essas suspeitas, como? Votar substituindo todos os políticos, votar em outros, o maior protesto não é votar nulo, o maior protesto é votar substituindo, hoje em Mato Grosso temos Carlos Bezerra, Wellington Fagundes, que são decanos na política e sempre estão se reelegendo, se eles fazem algo para merecer o mandato não fazem mas do que a obrigação, pois o que é feito é feito com o dinheiro público, por isso entendo que devemos em resposta ao mar da corrupção substituir todos, isto é, se o povo quiser depois não adianta reclamar especialmente aquele eleitor que supostamente pega gasolina na época da campanha, que supostamente vende o seu voto, a principal mudança é na cultura e no protesto de qualidade com objetivos de mudarmos esta constituição que possibilita que os políticos nomeiam quem julga seus crimes e suas contas, isto é altamente maléfico e perigoso para a democracia!

  • jose de souza
    12 Set 2017 às 20:56

    MAIS DEFENDE ESSE PRESIDENTE GOLPISTA, DO PMDB

  • Liu arruda
    12 Set 2017 às 19:54

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Cezar Queiroz
    12 Set 2017 às 18:32

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet