Olhar Direto

Sábado, 23 de setembro de 2017

Notícias / Cidades

Rota do Oeste instala posto de pesagem na BR-163 com objetivo de reduzir acidentes e evitar desgaste de rodovia

Da Redação - Wesley Santiago

13 Set 2017 - 15:52

Foto: Reprodução/Ilustração

Rota do Oeste instala posto de pesagem na BR-163 com objetivo de reduzir acidentes e evitar desgaste de rodovia
A Concessionária Rota do Oeste deu início, esta semana, às obras para edificação do primeiro posto de pesagem fixo da BR-163. A estrutura fica localizada no km 108, sentido sul da rodovia, entre o município de Rondonópolis e o Terminal Ferroviário Rumo e vai fiscalizar o excesso de peso em veículos de carga. A intenção é evitar que os veículos pesados acabem rapidamente com o pavimento e também reduzir acidentes.

Leia mais:
Rota do Oeste registra 2.737 acidentes na BR-163 e redução em capotamentos e colisões laterais
 
Pelo projeto, a estrutura contará com duas balanças, uma de pesagem dinâmica e outra de precisão. Haverá ainda espaço específico para o transbordo da carga em excesso. Pela lei, todos os veículos de cargas passarão pela pesagem obrigatória. O descumprimento da regra pode resultar em multa.
 
A construção e funcionamento da balança garantem mais segurança ao usuário e menos desgaste do pavimento rodoviário, aponta o gerente de Operações da Rota do Oeste, Fernando Milléo: “Cada veículo de carga, por lei, pode transportar um limite seguro. Sabemos que na prática, os carregamentos muitas vezes são acima do máximo permitido e a pesagem vem para coibir esta conduta. O excesso de carga aumenta o tempo de resposta do veículo, facilitando a ocorrência de acidentes. Outro ponto importante é o desgaste precoce provocado no pavimento”, explica.
 
Ao todo, a área terá 31 mil m² e abrigará os equipamentos de pesagens e prédios administrativos, onde a Rota do Oeste será responsável pela operacionalização, porém sem autonomia para emissão de autos de infração. Esta atribuição será da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).
 
O local já conta com drenagem e pavimentação. Porém, o restante da infraestrutura será edificado até o início de 2018.  Os equipamentos para pesagem já foram adquiridos pela Rota do Oeste e serão instalados assim que as obras estruturais forem concluídas. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet