Olhar Direto

Sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Notícias / Cidades

Águas Cuiabá garante investimento de R$ 203 mi em expansão de rede de água e esgoto; sistema será descentralizado

Da Redação - André Garcia Santana

10 Out 2017 - 18:44

Foto: Olhar Direto

Águas Cuiabá garante investimento de R$ 203 mi em expansão de rede de água e esgoto; sistema será descentralizado
Com investimento total de 203 mi, a empresa Águas Cuiabá apresentou nesta terça-feira (10) seu plano para expansão do sistema de abastecimento e saneamento em Cuiabá. O projeto prevê aumento na captação de água, nas redes de distribuição e nas ETAs do Ribeirão do Lipa, Parque Cuiabá e Coophema, com cronograma estipulado em 18 meses. Até 2022 a empresa, que pertence ao grupo Iguá, deverá investir 1,2 bi na Capital, segundo os executivos presentes no encontro.

Leia mais:
PGE obtém liminar e empresa do grupo de Joesley Batista deverá pagar tributos em atraso à MT Gás

A empresa Iguá Saneamento S.A possui aporte financeiro do Banco Bradesco, Banco Votorantim, BNDESPar e RK Partners Investimentos (RKP) e assumiu os serviços de fornecimento de água tratada e esgotamento sanitário na cidade em julho de 2017. O empreendimento substitui a CAB Cuiabá, que havia assinado, em 2012, um contrato de concessão de 30 anos para administrar os serviços. No entanto, em decorrência de uma séria de problemas, a Prefeitura assumiu os serviços em 2015.

Com relação ao esgoto A ETE do Sistema Dom Aquino e Tijucal terão capacidade para mais 350 e 165 litros cada. Haverá ainda mais oito estações elevatórias e 138 km a mais de novas redes coletoras, com quase 11 km de emissários. Ao longo dos quase dois anos o projeto também deverá promover a recuperação de pelo menos três nascentes com matas ciliares, começando pela Morada do Ouro. As outras duas localidades ainda serão decididas junto a Procuradoria Geral do Município.

A companhia está presente em cinco Estados brasileiros (Alagoas, Mato Grosso, Paraná, São Paulo, Santa Catarina), atendendo direta e indiretamente mais de 6 milhões de pessoas. De acordo com o presidente da empresa, Gustavo Guimarães, a proposta da Iguá é também ampliar o conceito de saneamento básico para uma proposta mais integrada, que contemple o meio ambiente. “Saneamento não envolve apenas entregar esse produto a alguém, mas também a cônscia que precisamos ter do que estamos consumindo.”

Segundo informações disponibilizadas pela Iguá, Cuiabá conta atualmente com uma cobertura de abastecimento de água de 100%-50%, 24h/dia e de esgotamento sanitário, em separador absoluto, de 33%. São aproximadamente 182 mil ligações residenciais de água e 74 mil de esgoto ativas.

Neste cenário, de acordo com Luiz Fabriani, diretor do empreendimento na cidade, uma adutora que irá ligar a região do Bom Clima ao Ribeirão do Lipa até fevereiro. “A dinâmica do fornecimento da água vai ser por gravidade, então isso visa a sustentabilidade. Parque Cuiabá e Coophema são desafios porque vamos tirar o fornecimento da ETA Tijucal, que fica sobrecarregada. Assim, conseguiremos reequilibrar estrategicamente o fornecimento.”
 

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • marcelo
    11 Out 2017 às 09:43

    A Cab anunciou varios investimentos não cumpriu nenhum.

  • SO DE OLHO
    11 Out 2017 às 08:41

    ja vi esse filme e conheço o final.

Sitevip Internet