Olhar Direto

Domingo, 19 de novembro de 2017

Notícias / Ciência & Saúde

Carrinhos de supermercado são redutos de bactérias e podem causar doenças, afirma médico

Da Redação - Fabiana Mendes

04 Nov 2017 - 15:43

Foto: Reprodução

Carrinho de supermercado.

Carrinho de supermercado.

Diarreia, gripe, conjuntivite e infecções mais graves. Todas estas doenças podem ser adquiridas em crianças após permanecem dentro de um carrinho de supermercados.  O local é um reduto de bactérias e não é recomendado que as crianças permaneçam em carrinhos sem a higienização correta.

Leia Mais: 
CRO realiza mais de 400 atendimentos em edição mato-grossense do ‘Bem Estar’

De acordo com o  presidente do Hospital Beneficente Santa Helena, Dr. Marcelo Sandrin, fez uma rápida avaliação de como são utilizados esses carrinhos e concluiu que sem higienização eles não devem ser usados. "Os clientes também precisam estar atentos ao circular pelos estabelecimentos, lavar bem as mãos antes e após tocar em objetos de uso coletivo, não utilizar carrinhos danificados, enferrujados, descascados e ou com sujidade aparente. E mais: não se deve colocar crianças dentro dos carrinhos. É importante ainda evitar a colocação do alimento em contato direto com superfícies do supermercado".

Sandrin conta que em diversos países é obrigatório os supermercados terem um lava-jato próprio para limpeza desses carrinhos em tempo contínuo, que os esteriliza, colocando de novo à disposição da população. "Já que não temos esse serviço aqui, minha recomendação é não utilizar o carrinho de supermercado. Você embala tudo no saco de plástico e pronto."

"A gente tem que lembrar que não precisa traumatizar, só redobrar a atenção. Crianças que não tomaram contato com tudo que tem na natureza acabam se tornando alérgica por excesso porque não tem anticorpos previamente já formados e tem defesas muito fracas porque não tiveram seu sistema imunológico estimulado", finalizou.
 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet