Olhar Direto

Sábado, 16 de dezembro de 2017

Notícias / Cidades

Dois morrem e um fica gravemente ferido em colisão entre duas motos

Da Redação - Wesley Santiago

07 Dez 2017 - 09:10

Foto: Reprodução

Dois morrem e um fica gravemente ferido em colisão entre duas motos
Dois homens, ainda não identificados, morreram na noite da última quarta-feira (06), após colidirem frontalmente as motocicletas que pilotavam, no bairro Paiaguás, em Várzea Grande. As duas vítimas não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito ainda no local. Uma pessoa que estava na garupa foi socorrida em estado grave.

Leia mais:
​Quadrilha que roubou mais de 20 residências e planejava assaltar loja em Várzea Grande é presa
 
Segundo as informações iniciais, os dois motociclistas seguiam por uma estrada de chão, no bairro Paiaguás, quando acabaram batendo de frente. As causas ainda não foram explicadas, o que deve acontecer apenas após a realização da perícia técnica. Os dois condutores não resistiram aos ferimentos e morreram no local.
 
Uma pessoa que estava na garupa de uma das motocicletas também ficou ferida e teve de ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em estado grave para o Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande (PSMVG). A estrada está em péssimas condições, com muitos buracos e a iluminação é precária.
 
A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local e realizou os trabalhos. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. O caso é investigado pela Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran).

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Juca
    07 Dez 2017 às 13:28

    Há tempos venho falando que o trânsito de Mato Grosso é o mais violento do Brasil, em se equiparando a quantidade de veículos e os acidentes. Creio que o DETRAN devia ser mais criterioso na cobrança das auto escolas para que o aluno (aprendiz) durante o período de aulas práticas e teóricas realmente aprendam a se comportar como condutores.

  • João Edson de Arruda Fanaia
    07 Dez 2017 às 10:33

    É impressionante, melhor dizendo, assustador. Todos os dias, notícias são veiculadas de acidentes fatais envolvendo bicicletas, motos, carros, carretas, pedestres, enfim, um drama diário. É A MAIS EXPRESSIVA BRUTALIZAÇÃO ENVOLVENDO DIVERSOS MEIOS DE TRANSPORTE, SEJA NO PERÍMETRO URBANO, SEJA EM RODOVIAS. Quais as causas: no meu entendimento, vai desde a falta de educação, passando pelo alcoolismo, imprudência, veículos em péssimas condições, imunidade e por último fatalidade. O custo não é apenas humano para os familiares, mas financeiro, tanto na esfera privada como principalmente pública. Nem pela dor, os condutores no Brasil mudam seus comportamentos, mais mortes virão, não tenhamos dúvida.

Sitevip Internet