Olhar Direto

Notícias / Política MT

Governo liquida 100% da folha de pagamento nesta quinta-feira

Da Redação - Vinicius Mendes

11 Jan 2018 - 11:57

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Governo liquida 100% da folha de pagamento nesta quinta-feira
O Governo do Estado informou que liquida nesta quinta-feira (11) 100% da folha de pagamento de dezembro dos servidores públicos estaduais. Segundo a Secretaria de Estado de Fazenda, a partir das 20 horas os valores estarão disponíveis nas contas do pessoal da Seduc, Sefaz, Seplan, Casa Civil, Gcom, Gabinete de Governo e Gabinete da Vice-Governadoria.

Na quarta-feira (10), o Executivo disse que as demais unidades, incluindo aposentados e pensionistas, já haviam recebido os pagamentos, no entanto alguns servidores que supostamente teriam recebido alegam que o pagamento não foi feito.

Leia mais:
Governo paga salário de servidores de apenas 37 secretarias e órgãos; veja lista
 
O Governo do Estado havia informado que ao todo, 37 Secretarias e órgãos ligados ao Estado receberiam os pagamentos nesta quarta-feira (10). No entanto, alguns servidores destas secretarias afirmaram ao Olhar Direto que ainda não receberam o pagamento. O Governo do Estado diz que nesta quinta-feira (11) 100% da folha de pagamento será regularizada.
 
Com a entrada da receita registrada no final do dia de quarta-feira, o valor foi direcionado para liquidar a folha do mês de dezembro, conforme determinou o governador Pedro Taques em reunião com o secretário de Fazenda interino, Vinícius Saragiotto, e o adjunto do Tesouro, Serafim de Barros.
 
O Governo disse que até quarta-feira (10) seria feito o pagamento de 65,75% da folha de pessoal, sendo R$ 165,818 milhões referentes a uma parte dos servidores em atividade. Na terça-feira (9) foram destinados R$ 158,659 milhões para o pagamento dos aposentados e pensionistas, sendo que 59% foram aportados pelo Tesouro para cobrir o déficit financeiro da previdência.
 
A folha líquida de dezembro de todos os servidores em atividade, inativos e das indiretas soma R$ 519,659 milhões.

Com relação à alegação dos servidores que dizem não ter recebido o salário, a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), por meio de nota, afirmou que o o único contratempo que ocorreu foi com o Indea.

Leia na íntegra:

A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) informa que os servidores do
Instituto de Defesa Agropecuária (Indea/MT) terão seus salários creditados na
conta até às 13 horas desta quinta-feira (11).

Os servidores desta unidade estavam na lista para receberem os salários na
quarta-feira (10), junto com outras secretarias e indiretas.

Porém, o encaminhamento da folha liquidada, empenhada e com a geração da
ordem bancária por parte da administração do Indea à Sefaz ocorreu por volta
das 17 horas.

Assim que recebeu o arquivo, a Secretaria de Fazenda o encaminhou ao banco
que, por sua vez, precisou de certo tempo para processar os valores e creditá-
los nas contas.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Maldonado
    11 Jan 2018 às 18:52

    O estado de Mato Grosso está entre os menos endividados na atualidade, inclusive isto nas palavras de Paulo Taques em entrevista no fim do ano de 2015 o estado ultrapassou em 2 bilhões o previsto para a arrecadação em 2016 e 2017 idem foram previstos 7,5% de RGA na LOA (mas esse dinheiro foi empregado com destinação alheia) a corrupção na Seduc segundo dados divulgados chega a aproximadamente 57 milhões, investigações ainda não apontam ao certo os valores desviados do abastecimento do Estado (portanto a corrupção não é coisa somente de governos anteriores) o governador mantém PRIVILÉGIOS para o agronegócio com INCENTIVOS FISCAIS E DESONERAÇÕES com prejuízos BILIONÁRIOS (um setor que causa danos a rodovias, pontes e que tem seu patrimônio acrescido sem contribuições de melhoria, como o cidadão comum quando asfaltam a rua da sua casa). Resta evidente que o CALOTE da RGA, que é o descumprimento da CF e de normas infra-constitucionais estaduais foi criminoso, pois, partiu de uma opção do governador, que bastaria ter dado fim aos PRIVILÉGIOS FISCAIS DE UM SETOR BILIONÁRIO (que aumentou os lucros com a desvalorização do dólar, pois as commodities agrícolas são comercializadas em dólar, com grandes vantagens com o câmbio) NÃO TER INCORPORADO APROXIMADAMENTE 4 MIL POLICIAIS MILITA

  • Júlio
    11 Jan 2018 às 18:50

    Dilma foi um DESASTRE por isso sou a favor do FORA DILMA FORA PT, entretanto, Taques cometeu os mesmos erros, CORRUPÇÃO NA SEDUC, investigação do abastecimento dos veículos do estado contratação desordenada de servidores (polícia civil e militar bombeiro) comprometendo os limites da LRF e provocando o calote premeditado da RGA, deixande de cumprir a lei e ofendendo a Lei de Responsabilidade Fiscal. Do ponto de vista político mandou o seu vice pro PSD pra tomar o partido do Riva, com isso Janaína Riva somou-se a Carlos Bezerra no PMDB - partido do atual Presidente da República, criando um mal estar com o partido de Temer. Sua obstinação em enfrentar os deputados, ao invés de ouvir suas reinvindicações criou um desentendimento entre Executivo e Legislativo suas opções de calote da RGA manutenção de privilégios em incentivos fiscais para o agronegócio, mal escolha de secretário de segurança pública deram origem a ataques do PCC na capital (pela primeira vez na história).

  • Dr Davi
    11 Jan 2018 às 18:45

    O governador Pedro Taques convocou aproximadamente 5 mil homens para a polícia militar, corpo de bombeiros e polícia civil no primeiro ano de mandato, aumentou os contratados de 5 para 15 mil e aumentou os valores das DGA s (indenizações) aos ocupantes de cargos de confiança. Realizou concurso para mil vagas para o Sistema Prisional ano passado, concurso pra PGE. Antes de assumir o governo criticou a denúncia fiscal concedida a grandes empresários e ao agronegócio, mas manteve todas. Silval não tem culpa sobre a situação atual. Pedro Taques precisa assumir a responsabilidade pelas suas más escolhas.

  • Jorge
    11 Jan 2018 às 18:43

    O Sr Ademir deve ser um comissionado desses pagos somente para postar notícias na internet a favor do patrão (já que não tem cacife para ser aprovado em concurso) ou é um grande agricultor que nada paga e bate no peito como se pagasse por alguma coisa neste Estado. Além disso desconhece a própria estrutura funcional da administração pública, já que muitos servidores trabalham em regime de plantão e evidentemente estão de folga as vezes de dia, como eu. Detalhe: os servidores públicos estão contribuindo com 27,5% descontado do salário para o imposto de renda, assim como a carga tributária recai sobre o trabalhador do setor privado, já os grandes empresários e agricultores deste estado, que financiam as campanhas políticas são beneficiados por renúncias fiscais imorais. Vai trabalhar vc!

  • Daniel Boone
    11 Jan 2018 às 15:09

    Esse DESGOVERNADOR está mais perdido que cego em tiroteio. O que fala o café da manhã não sustenta no jantar. Ontem mesmo havia dito que o pagamento da SEDUC só sairia dia 15. É ou não incompetência e descontrole de gestão?

  • por justiça
    11 Jan 2018 às 15:06

    isto e uma bricadeira com o trabalhador so pangando juros vamos levantar a bandeiraminha gente....

  • Ademir
    11 Jan 2018 às 14:39

    Sai da Internet Paulo Alcantara, vai produzir!!! Tipo de funcionário público que mancha a categoria, que são uns 40% desocupados, só vive sem fazer nada, no zap zap, no cafézinho, na internet, e sempre só querendo mais benefícios e mamatas!!! Vai trabalhar, produzir, que vivo pagando impostos para sustentar estes tipos!!!

  • Nasser
    11 Jan 2018 às 14:33

    Para um governo desorientado como esse o básico é motivo de aplausos.

  • Teka Almeida
    11 Jan 2018 às 12:51

    Eu sempre digo nos meus comentários que não existe crise no nosso estado, o que falta é gestão. Mas agora vou mais além, esse Desgoverno sofre de demencia. O cara por qualquer frustação no passado perdeu o equilibrio mental.

  • RICO
    11 Jan 2018 às 12:49

    Eh ,des (governo) ) que gosta de terrorismo. Ontem era uma coisa, hoje, já tem o dinheiro?. brincadeira!

Sitevip Internet