Olhar Direto

Domingo, 21 de outubro de 2018

Notícias / Picante

Nem vem que não tem

Governo do Estado não mostra nenhum interesse em se meter na polêmica do RU

Da Redação

14 Mai 2018 - 12:14

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Curto e grosso:

Curto e grosso: "cada um no seu quadrado", diz Taques sobre RU

Estudantes da UFMT devem buscar o governo para propor uma isenção de impostos à universidade a fim de colaborar com a luta pela manutenção do almoço a R$ 1 no Restaurante Universitário. A ideia é aliviar um pouco o caixa da UFMT para “sobrar” dinheiro para o RU. A má notícia para os alunos é que o governo, em meio a uma crise, não está nada interessado em abrir mão de recursos. “O problema da Universidade Federal de Mato Grosso, RU, cabe à universidade resolver o seu problema e não ao Governo do Estado. Senão vai ficar assim, eu sou a panacéia, o remédio para todos os males do mundo. Unha encravada, dor de cabeça, câncer... ai não tem como. Cada um no seu quadrado, não é isso? Cada um com suas atribuições constitucionais. Onde já se viu, o primo pobre ajudando o primo rico”, afirmou Pedro Taques na manhã desta segunda-feira (14). 

Mais Picantes

Sitevip Internet