Olhar Direto

Notícias / Cidades

Quatro são presos após roubo de mais de R$ 50 mil de joalheria em Cuiabá

Da Redação - Vinicius Mendes

16 Mai 2018 - 10:04

Foto: Reprodução

Quatro são presos após roubo de mais de R$ 50 mil de joalheria em Cuiabá
Quatro pessoas, identificadas como Vanderlei Henriques Costa, de 26 anos, Caique Parra Lopes, de 23, Bruna Yanka Ribeiro, de 22, e Ana Carolina dos Santos Ferreira, de 24, foram presas na manhã desta terça-feira (15) após cometerem um assalto a uma joalheria no centro de Cuiabá e levarem mais de R$ 50 mil. Um dos bandidos, identificado como Juliano, conseguiu fugir.

Leia mais:
Dupla armada assalta joalheria no Shopping Goiabeiras e suspeito de 18 anos acaba preso
 
De acordo com o boletim de ocorrências, por volta das 9h30 de ontem (15) uma equipe da Polícia Militar foi informada de que um veículo Fita Strada, onde estariam suspeitos de terem praticado um roubo a uma joalheria no Centro de Cuiabá, estaria fugindo para Várzea Grande.

Os policiais conseguiram avistar o carro já na rotatória do zero quilômetro e deram os sinais de parada. Os suspeitos não obedeceram à polícia, mas acabaram sendo abordados mais a frente e encaminhados à delegacia.

A vítima reconheceu os dois homens como sendo os autores do roubo. Ela contou que três suspeitos entraram em seu estabelecimento, armados com duas pistolas e um revolver, e roubaram aproximadamente R$ 50 mil em jóias e R$ 3 mil em dinheiro.

Vanderlei disse que estavam residindo em uma casa no CPA IV e que lá estariam os produtos roubados. A polícia foi até o local e lá encontraram vários produtos, supostamente roubados, mas não as jóias e o dinheiro. Além disso os policiais também encontraram explosivos. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) então foi chamado e fez a retirada dos explosivos.

Na delegacia Vanderlei ainda disse que as jóias e o dinheiro foram levados pelo seu comparsa, identificado como Juliano, que seguiu para Cáceres de ônibus. A polícia ainda verificou que o carro utilizado estava com as placas e chassi alterados.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Batmanligadajustica
    16 Mai 2018 às 10:13

    O efetivo ideal hj para a Gloriosa PM de MT deveria ser de quinze mil Policiais Militares infelizmente hj deve existir no máximo cinco mil Policiais Militares em todo o estado de MT se desdobrando para servir e proteger

Sitevip Internet