Olhar Direto

Domingo, 18 de novembro de 2018

Notícias / Política MT

Mauro afirma que seu candidato é tucano, mas garante espaço a todos presidenciáveis

Da Reportagem Local - Érika Oliveira/Da Redação - Lucas Bólico

06 Ago 2018 - 08:00

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Mauro afirma que seu candidato é tucano, mas garante espaço a todos presidenciáveis
O candidato ao governo de Mato Grosso Mauro Mendes (DEM) terá três presidenciáveis em seu palanque e garante espaço a todos, mas já garantiu quem terá sua preferência: o tucano Geraldo Alckmin. O Democratas fechou aliança nacional com o PSDB na última semana. Além disso, Mendes tem como vice Otaviano Pivetta, do PDT, cujo partido lança nacionalmente Ciro Gomes. o ex-prefeito de Cuiabá também conta com apoio do MDB, do presidenciável Henrique Meireles.

Leia também:
Taques cita Dante ao afirmar que coligação terá palanque para Alckmin e Jair Bolsonaro

“Isso é muito comum na política brasileira, os chamados palanque múltiplos. Nós saberemos com tranquilidade respeitar todos os partidos da nossa aliança e eles terão toda a liberdade de defender os seus candidatos nacionais. Todos terão a liberdade pra fazer a defesa dos seus candidatos nacionais e na medida do possível, nós com respeito a esses aliados, iremos ajudar na construção da campanha deles no estado”, garantiu o democrata, após realizar convenção na manhã de sábado (5), em Cuiabá.
 
Questionado sobre sua preferência entre os presidenciáveis que contarão com seu palanque em MT, revelou o nome de Geraldo Alckmin. “Presidente meu é aquele que o meu partido escolheu e eu vou respeitar o meu partido e vou focar na minha campanha e na minha candidatura”, resumiu.
 
Apesar de o DEM apoiar nacionalmente Alckmin, o palanque oficial do ex-governador de São Paulo será o de Pedro Taques (PSDB). O governador de Mato Grosso ainda garantirá sustentação ao projeto de Jair Bolsonaro (PSL), pois sua candidata ao Senado é a juíza aposentada Selma Arruda (PSL).
 
Memória de Dante
 
Quando anunciou sua pré-candidatura à reeleição ao lado de Selma, Taques se ancorou na memória de Dante Martins de Oliveira para justificar o palanque dividido com Bolsonaro.

“Dante de Oliveira, quando candidato, pediu voto para quatro candidatos a presidente da República. Isso é normal. Temos que fazer uma reflexão. Existem pessoas que defendem determinados pontos de vida. Não tem que concordar, mas sim respeitar. Nossa coligação, assim que registrar a chapa, terá palanque para Bolsonaro e Geraldo Alckimin. Não vejo dificuldades nisto”, afirmou Taques na ocasião.
 

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por justiça
    07 Ago 2018 às 07:53

    vixim oi a eles de novo para enganar o povo sai fora e vigia.

  • To de Olho
    06 Ago 2018 às 14:18

    Mauro Mendes esta filiado no DEM, mas sua paixão é PSDB.... Seo sonho é ser governador e um dia ser filiado ao PSDB.... Infelizmente é um amor platônico... Um sonho que nunca ira de realizar.....

  • Zico
    06 Ago 2018 às 10:57

    Taques reeleito. Deixa MM e wF dividirem o voto dos servidores.

  • PEDRO
    06 Ago 2018 às 08:54

    OLÁ PESSOAL TIVEMOS AS DUAS CONVENÇÕES DO PEDRO TAQUES E DO MM, E SÓ OLHAR QUANTAS VISUALIZAÇÕES NO FACEBOOK OS DOIS TIVERAM PARA SABER QUEM E O MAIS PREFERIDO DO POVO MATO-GROSSENSE.

  • Patricia
    06 Ago 2018 às 08:39

    Mauro Mendes com Valtenir??? E isso mesmo??? Os dois que nem se olhavam.. que teve racha no partido por conta desse Valtenir, agora juntos??? E muita hipocrisia... e esculhambar com a cara da sociedade.

Sitevip Internet