Olhar Direto

Quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Notícias / Política MT

​Após racha, PT decide apoiar Welligton Fagundes em troca de palanque forte para Lula

Da Redação - Lucas Bólico

05 Ago 2018 - 13:00

Foto: Assessoria PT

​Após racha, PT decide apoiar Welligton Fagundes em troca de palanque forte para Lula
Após uma semana de intenso debate interno, a ala majoritária do PT conseguiu levar o partido para os braços de Wellington Fagundes (PR), pré-candidato ao Governo do Estado. O acordo foi feito com base em três prioridades do PT. A principal delas é garantir um palanque forte para o ex-presidente Lula em Mato Grosso.

Leia também:
Com PT rachado, ala favorável a Welligton ganha fôlego para articular aliança
​Welligton Fagundes terá advogada filiada do PV como vice e ainda tenta atrair PT

 
“A dinâmica do PT é de dialogo, de democracia. Nós tínhamos desde o inicio colocado como prioridade colocar uma aliança de centro esquerda o que não foi possível, porque PDT, PSB e PCdoB foram tomando outros rumos e o Partido dos Trabalhadores buscou com o PR, com o senado Welligton Fagundes a possibilidade que possamos alcançar nossas prioridades, ou seja, o presidente Lula”,  explicou Valdir Barranco, presidente do PT em Mato Grosso.
 
O partido estava rachado entre a ala pró-Wellington e a que defendia uma candidatura própria, encabeçada pela professora Edna Sampaio. A tese vencida sustentava que seria uma contradição o PT se coligar com o PR, partido que deu votos a favor do impeachment  da ex-presidente Dilma Rousseff.
 
Nesta última semana, Edna chegou a viajar para Brasília onde conversou com a direção nacional do PT, mas não foi o suficiente. No sábado (4), a legenda oficializou a campanha de Lula e a elegeu como prioridade.
 
Além do palanque ao presidenciável, o PT negociou com Wellington condições favoráveis à manutenção da cadeira do PT de MT no Câmara Federal, mesmo com a desistência de Ságuas Moraes em disputar a reeleição. O nome escolhido para substituílo é do da professora Rosa Neide.
 
Fagundes também deu ao PT condições para a reeleição de Barranco na Assembleia Legislativa e para a ampliação da bancada estadual. A candidatura de Lúdio Cabral à AL é uma das apostas do partido.

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • flavio
    06 Ago 2018 às 10:02

    kkkk piada da semana, esse presidiário vai subir como em palanque??? por o ilustre senador Wellington esta apoiando que ele julga ser correto... lula é condenado ....

  • O Brasil que eu Quero
    06 Ago 2018 às 08:39

    Vai levar uma taca bem dada.

  • Thompson
    05 Ago 2018 às 21:00

    Em nome do poder o PT apoia qualquer candidato, inclusive aquele que a companheirada até pouco tempo chamava de golpista.

  • Reginaldo
    05 Ago 2018 às 16:44

    A canalhice e picaretagem começa quando uma pessoa pública usa de sua posição para defender algo que tem certeza que NÃO vai acontecer. Lula foi o cara que mais teve chance de fazer o Brasil crescer, prosperar, ao invés disso, preferiu concordar e participar do maior esquema de corrupção já visto no país. Triste ver alguém com sua envergadura condenado e o pior é que tem mais uns 4-5 processos que ainda vai complicar ainda mais o Lula.

  • Critico
    05 Ago 2018 às 14:59

    Assinou a derrota.

  • Zarolho
    05 Ago 2018 às 14:28

    Palanque forte pra Lula só na cadeia, parem de colocar presidiários como candidatos.

Sitevip Internet