Olhar Direto

Quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Notícias / Política MT

Bezerra afirma que CPI desrespeita governo e lembra prerrogativa de Botelho em barrá-la

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

08 Ago 2018 - 15:30

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Bezerra afirma que CPI desrespeita governo e lembra prerrogativa de Botelho em barrá-la
Um dia após a confusão envolvendo dois pedidos de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o caso dos grampos, o deputado estadual Oscar Bezerra (PV) declarou que a proposta de inicio de investigação imediata, feita pela deputada Janaina Riva (MDB), é desrespeitosa com o Governo e que o presidente da Casa de Leis, Eduardo Botelho (DEM), tem a prerrogativa de barrá-la.

Leia mais
Botelho estende prazo e dará parecer sobre CPI da Grampolândia em 72 horas


De acordo com Bezerra, a investigação já devia ter ocorrido, visto que o caso veio à tona em 2017.  Para o parlamentar, a CPI, caso venha a acontecer, deve respeitar o período de campanha e ser instaurada somente depois da eleição.

“Nós temos o entendimento que se faz necessário abrir esta CPI, mas não neste período com cunho eleitoreiro. Acho que é desrespeitoso para com o Governo do Estado, e para com Mato Grosso. A investigação já deveria ter sido feita, ou faremos ela depois do pleito eleitoral, uma vez que não vamos usar o parlamento estadual para fazer politicagem”, disse.

“Existem três CPIs em andamento, não finalizou ainda do Ministério Público e as outras duas ainda estão em curso, praticamente iniciando. Conseqüentemente, uma quarta CPI para ser criada precisaria de dois terços de assinaturas, ou seja, 16 deputados, e nenhuma das propostas conseguiram ter assinatura suficiente. Portanto o presidente obviamente tem a prerrogativa de dizer que não haverá CPI, uma vez que não atingiu o que está preconizado no regimento interno da Assembleia”, explicou.

Sessão tumultuada

A sessão matutina da Assembleia Legislativa desta terça-feira (7) ficou tumultuada após os deputados Wilson Santos e Janaína Riva apresentarem pedidos de aberturas de CPI para investigar os grampos clandestinos no governo Taques.

A emedebista já havia declarado no plenário da casa de leis que estava recolhendo assinaturas para fazer o requerimento da CPI, com a intenção de que ela fosse instaurada imediatamente, independente do período eleitoral. À imprensa, a parlamentar confirmou na semana passada que iria apresentar o requerimento na sessão de ontem, porém o deputado Wilson Santos, vice-líder do governo antecipou e fez o primeiro pedido no plenário.

O argumento de Janaina Riva para a abertura da CPI é o depoimento do cabo da Polícia Militar, Gerson Correa prestado no último dia 27, em que atribuiu o governador Pedro Taques (PSDB) e o ex-secretário da Casa Civil, Paulo Taques, como os mandantes na instalação dos grampos clandestinos.

O presidente Eduardo Botelho afirmou que dará o parecer sobre os dois requerimentos em 72 horas.

16 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Gilmar
    09 Ago 2018 às 08:04

    Só a justiça eleitoral para nós livrar destes abutres analfabetos. Se depender do eleitor, vejam as pesquisa quem lidera. Alo justica socorro!!!!

  • Eleitor
    09 Ago 2018 às 04:30

    Deputado desrespeito é com o povo em ter um deputado igual ao senhor e este Governador como representante os senhores terão a resposta nas urnas.... re

  • João José
    08 Ago 2018 às 21:05

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Saulo
    08 Ago 2018 às 18:52

    Uai o deputado óscar não tem intetesse em investigar os mandantes dos grampos?

  • leandro
    08 Ago 2018 às 18:07

    Desrespeitoso e uma investigacao ser barrada

  • Indignado .
    08 Ago 2018 às 18:05

    Desrespeito é grampear pessoas independente de qualquer coisa sem autorização da justiça! Desrespeito é deixar o povo sem saúde sem educação e passar 4 anos olhando o passado.

  • JUSTO E PERFEITO EM AMBAS
    08 Ago 2018 às 17:40

    VERGONHOSO é o que VOCE e o GOVERNO FAZEM COM POVO DE MT.

  • Flavio Gil
    08 Ago 2018 às 17:39

    DESRESPEITO É O QUE O SENHOR E O GOVERNO FAZEM COM O POVO DE MT.... sua esposa ja foi CASSADA em Juara e nesta eleição vc nao ganha nem pra pres de bairro!!

  • Flavio Gil
    08 Ago 2018 às 17:39

    DESRESPEITO É O QUE O SENHOR E O GOVERNO FAZEM COM O POVO DE MT.... sua esposa ja foi CASSADA em Juara e nesta eleição vc nao ganha nem pra pres de bairro!!

  • Carlos Cuiabano
    08 Ago 2018 às 17:22

    Uma vergonha esse deputado povo colocou ele pra fiscalizar o governo ele jogando contra onde estamos tem mudar tirar esse povo que e contra CPI contra envestigar governo

Sitevip Internet