Olhar Direto

Sábado, 22 de setembro de 2018

Notícias / Política MT

Mendes lembra choro de médico, Taques valoriza Caravana e Franz cola em Procurador Mauro

Da Redação - Wesley Santiago

14 Set 2018 - 14:12

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Mendes lembra choro de médico, Taques valoriza Caravana e Franz cola em Procurador Mauro
A propaganda eleitoral gratuita teve nesta sexta-feira (14) lembranças do candidato Mauro Mendes (DEM) a promessas não cumpridas pelo atual governador, Pedro Taques (PSDB), na questão da saúde. O ex-prefeito utilizou o choro do diretor de um hospital de Mato Grosso para retratar a situação dos atrasos nos repasses a unidades. Já o chefe do Executivo valorizou o trabalho feito na Caravana da Transformação, enquanto que Moisés Franz (PSOL) aproveitou para colar no Procurador Mauro (PSOL), que pediu votos em seu nome.

Leia mais:
Dois candidatos não apresentam propostas para o VLT e um afirma que dará outro destino a vagões; veja propostas

O primeiro programa dos candidatos ao governo foi de Wellington Fagundes (PR), que destacou as diversas obras realizadas com emendas e recursos que ele conseguiu em Brasília (DF). O postulante ao Palácio Paiaguás aproveitou o horário eleitoral para expor aos eleitores que, mesmo fora do Executivo, conseguiu levar melhorias para os quatro cantos do Estado.
 
Logo depois, o candidato Moisés Franz fez trabalho de ‘figuração’ ao lado do Procurador Mauro, principal nome do PSOL em Mato Grosso. O candidato ao Senado aproveitou para voltar a bater na tecla de esta ser a hora de fazer a mudança e pediu votos ao colega da sigla, que não proferiu nenhuma palavra no curto espaço que detém.
 
Pedro Taques aproveitou, mais uma vez, para destacar o trabalho realizado na Caravana da Transformação. Em depoimentos, com doses carregadas de emoção, pacientes relataram a oportunidade de “enxergar novamente” com as mais de 70 mil cirurgias realizadas no programa, que teve 14 edições. Além disto, o tucano garantiu que irá regionalizar a Saúde e mais investimentos na área.
 
Logo depois, Mauro Mendes (DEM) iniciou seu programa lembrando das promessas feitas por Pedro Taques, em 2014, que não teriam sido cumpridas e destacou ainda a falta de repasses para os hospitais regionais. Além disto, usou a imagem do diretor técnico do hospital regional de Sorriso, Roberto Yoshida, que chorou durante uma entrevista enquanto falava sobre a situação caótica em que se encontrava a unidade.
 
Por fim, Mauro Mendes – ao lado da esposa Virgínia Mendes – ainda destacou o ‘Projeto Siminina’, que ele pretende expandir para todo o Estado.
 
O candidato da Rede, Arthur Nogueira, focou a sua atenção na Segurança Pública e questionou os eleitores sobre o pensamento deles sobre o trabalho atual de Pedro Taques. Com o curto espaço de tempo, não houve muito o que o ex-superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) pudesse expor.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • alexandre
    15 Set 2018 às 09:22

    Se Pedrinho ganhar brimos voltam para trabalhar no governo..

  • JONAS
    14 Set 2018 às 17:55

    O Coordenador Político da Campanha do Mauro é José Lacerda, do MDB, ex-Secretário de Silval. É o povo querendo voltar. fuja louco

  • Cezar Augusto Lima do Nascimento
    14 Set 2018 às 16:42

    Sem embargos de desconfiança alguma, esse rapaz Muro Mendes vem carregando uma corja falida em suas fileiras que é de dar pavor.