Olhar Direto

Quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Notícias / Cidades

Uma hora antes de viagem, governo cancela passagens de 126 atletas que disputariam campeonato

Da Redação - Vitória Lopes

19 Set 2018 - 17:56

Foto: Reprodução

Uma hora antes de viagem, governo cancela passagens de 126 atletas que disputariam campeonato
O Governo do Estado cancelou passagens de última hora e 126 atletas mato-grossenses não puderam disputar o Campeonato Brasileiro Estudantil em Manaus (AM), que começa nesta quarta-feira (19) e vai até domingo (23). Em Sorriso (398 km de Cuiabá), uma equipe feminina de handebol, outra de futebol, com atletas de 15 a 17 anos, e duas equipes de basquete, de 12 a 17 anos, foram surpreendidas a caminho do aeroporto, às 21h.

Leia mais:
Atleta mato-grossense é destaque em competições nacionais de Kung Fu


A mãe de uma das atletas explica que a filha treina handebol todos os dias. A equipe da jovem chegou a ser campeã nos municípios de Campo Verde e Sapezal. Ao conseguirem a vaga para disputar o Brasileiro Escolar em Manaus, as atletas receberam a notícia que teriam apoio da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer (SEEL). Elas estavam de malas prontas e iriam embarcar na terça-feira (18).

“Prometeram que iam levá-las, as meninas arrumaram as malas, todas muito animadas. E agora à noite, às 21h, com todo mundo entrando no ônibus rumo à Cuiabá para pegarem o voo, receberam a noticia de que não iriam mais. Alegaram que não tem dinheiro para levar as crianças, sendo que são atletas campeãs que podiam elevar o nome de Sorriso-MT  de Mato Grosso no esporte”, contou ao jornalista Joel Teixeira.

Ao serem avisados de última hora, pais, atletas e treinadores ficaram desapontados. “Só avisaram agora às 21h, quando o ônibus já estava pronto para sair. Depois que todas estavam na expectativa. Eu tenho até foto do hotel que mandaram, dizendo que seria o local em que as crianças ficariam hospedadas e, de última hora aprontam isso. Não é coisa que se faz”, desabafou.

Segundo informou o técnico Jordani, que acompanharia as equipes no campeonato, a Secretaria Estadual de Esporte e Lazer (SEEL) informou que as passagens tiveram aumento e o Governo do Estado não teria mais verba para pagar a diferença nos preços dos bilhetes. Cerca de 130 atletas, de diversas modalidades, ficaram fora da disputa.

Outro lado

Procurada pela reportagem, a Secretaria Estadual de Educação, Esporte e Lazer (SEEL) informou que o valor das passagens ultrapassou o orçamento que o Estado tinha. Ainda assim, a Pasta tentou negociar os valores, o que ocasionou o cancelamento em cima da hora.

Confira a nota de esclarecimento na íntegra:

Sobre os Jogos Escolares da Juventude, a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) informa que:
 
1 – Apesar dos esforços do Governo, não foi possível custear a viagem dos atletas do Estado que foram classificados para a etapa nacional dos Jogos Escolares, que será realizada em Manaus (AM). O valor extrapolou a capacidade financeira previsto para o evento, já o que o custo estimado foi de R$ 711.200,00 apenas em passagens aéreas;
 
2 – Diante de despesas essenciais na área da Educação, se tornou necessário priorizar outras demandas;
 
3 – A Seduc lamenta o ocorrido, tendo em vista que não mediu esforços para a realização das etapas municipais e estadual e que tem por objetivo fomentar a prática esportiva e incentivar a melhoria da qualidade de vida da população, além de valorizar o potencial dos estudantes e atletas do Estado;
 
4 – Ressalta ainda que o Estado investiu R$ 1, 1 milhão para a realização dos Jogos Escolares da Juventude 2018, nos meses de agosto e setembro, nas etapas estaduais, o que demonstra o compromisso da gestão com a prática do esporte entre as crianças e jovens mato-grossenses;
 
5 – Para a realização das etapas estaduais sete municípios sediaram as competições, que reuniu cerca de 3 mil atletas, entre 12 e 17 anos, disputando 14 modalidades, e um público estimado entre 30 mil espectadores;
 
6 – Por fim, destaca que o Governo continua empenhado e trabalhando para que nas próximas edições das etapas nacionais os atletas mato-grossenses possam participar.

49 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Monique
    20 Set 2018 às 19:19

    Uma equipe de Macapá tbm teve corte da equipe desse mesmo campeonato... governos corruptos fora...

  • Alexsandri
    20 Set 2018 às 17:22

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Profª Ed. Física
    20 Set 2018 às 09:35

    Ooii?? Cada passagem custaria então em torno de R$ 5.642,85???!! Pensei que estivessem indo pra Manaus e não pro exterior!! Ahh conta outra, essa mentira é absurdamente ridícula!!

  • Isa
    20 Set 2018 às 09:17

    Esse governo é uma piada Enquanto acaba com o sonho dessas crianças e adolescentes....ta bancando evento de turismo em SÃO PAULO com diaria....PASSAGEM AÉREA...stand....e sabe la deus o que mais.....

  • REALISTA
    20 Set 2018 às 08:47

    ISSO SO MOSTRA O COMPROMISSO DO ATUAL GOVERNO COM SEUS ELEITORES

  • Bruno Rafael
    20 Set 2018 às 08:29

    Garanto que se fosse uma viagem de gabinete ou de parlamentares nao iam se importar com orçamento, isso é ridículo incabível

  • zé do brejinho
    20 Set 2018 às 08:26

    VERGONHA... DESPREPARO...AMADORISMO COM A COISA PÙBLICA

  • Vando
    20 Set 2018 às 08:24

    governador aqui em casa todos.iamos votar no senhor.e no nilson.agora. moro em vg.nao tenho filho nem parentes que ia.participar dos jogos.mas o que o senhor fez.e um crime contra a juventudes.que tristeza.governador decepçao.meu deus.!!!

  • Vanderlei Nunes
    20 Set 2018 às 07:55

    Mais uma nota negativa para o vergonhosa gestão do estado. Descaso e desrespeito com os atletas e com a sociedade de Mato Grosso.

  • Zeca
    20 Set 2018 às 07:51

    Mato Grosso não devia nem ter participado das preliminares. Mato Grosso precisa é de educar essas crianças, através de professores. Infelizmente os professores de MT , não ensinam, só vivem urdindo greves e paralisações sem nenhum motivo.