Olhar Direto

Quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Notícias / Política MT

Com registro indeferido, Gilmar Fabris aguarda recurso e pode conseguir vaga na ALMT

Da Redação - Wesley Santiago

08 Out 2018 - 16:03

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Com registro indeferido, Gilmar Fabris aguarda recurso e pode conseguir vaga na ALMT
O deputado estadual e candidato a reeleição, Gilmar Fabris (PSD), ainda aguarda um recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e sonha com uma das cadeiras na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). Fabris teve o registro indeferido e seus votos, apesar de terem sido contabilizados, não valeram para a distribuição de vagas.

Leia mais:
Veja todos os eleitos aos cargos de deputado estadual e federal por Mato Grosso
 
O candidato a reeleição teve 22.913 votos, o que garantiria uma vaga na Assembleia Legislativa de Mato Grosso para os próximos quatro anos. A coligação dele (DEM / PDT / PSC / MDB / PHS / PSD / PMB) conseguiu nove cadeiras. Fabris conseguiu um número maior de votos do que Dr. João (MDB), Thiago Silva (MDB) e Allan Kardec (PDT). Este último pode acabar ficando com a suplência.
 
Ao todo, Mato Grosso teve nove candidatos a deputado estadual que estavam com registros indeferidos ou que renunciaram. Um deles é o suplente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Jajah Neves, que também estava com o registro indeferido. No total, ele recebeu 14.915 votos.
 
Sucumbida em uma série de escândalos de corrupção nos últimos anos, a Assembleia Legislativa elegeu 14 novos deputados neste domingo (07), a maioria deles políticos que nunca ocuparam cargos eletivos. Entre as surpresas, o jovem Ulysses Moraes (DC), eleito com mais de 18 mil votos. Apenas 10 deputados conseguiram se reeleger.
 
Além do democrata cristão, figuram entre os novos deputados o vereador Elizeu Nascimento, também do DC, delegado Claudinei (PSL), Xuxu Dal Molin (PSC), Ludio Cabral (PT), Valmir Moretto (PRB), Faissal (PV), Dr. João (MDB), Thiago Silva (MDB), Dr. Eugenio (PSB), Silvio Favero (PSL), Dr. Gimenez (PV), Paulo Araujo (PP) e João Batista (Pros).
 
Confira todos os eleitos para deputado estadual:

JANAINA RIVA (MDB)
NININHO (PSD)
MAX RUSSI (PSB)
EDUARDO BOTELHO (DEM)
DELEGADO CLAUDINEI (PSL)
GUILHERME MALUF (PSDB)
DILMAR DAL BOSCO (DEM)
ENGº.SEBASTIÃO MACHADO REZENDE (PSC)
XUXU DAL MOLIN (PSC)
LUDIO CABRAL (PT)
VALDIR BARRANCO (PT)
ELIZEU NASCIMENTO (DC)
VALMIR MORETTO (PRB)
FAISSAL (PV)
DR. JOÃO (MDB)
THIAGO SILVA (MDB)
ULYSSES MORAES (DC)
PROF. ALLAN (PDT)
WILSON SANTOS (PSDB)
DR. EUGÊNIO (PSB)
SILVIO FAVERO (PSL)
DR. GIMENEZ
PAULO ARAUJO (PP)
JOÃO BATISTA DO SINDSPEN

25 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • GilmarNao
    09 Out 2018 às 14:14

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • leandro
    09 Out 2018 às 13:37

    22913 e o reconhecimento pelo trabalho prestado.

  • Alfredo
    09 Out 2018 às 12:03

    Será a morte definitiva da política se esse sujeito Gilmar Fabris assumir avaga.

  • Juca
    09 Out 2018 às 11:47

    Acontecerá com ele o mesmo que aconteceu com o Barranco, lembra-se? Barranco ficou sob judice e seus votos não foram computados. Quando conseguiu o recurso no STF, desbancou o Taborelli que já estava ha mais de ano no cargo de deputado.

  • Pitty
    09 Out 2018 às 11:16

    Eu quero acreditar que temos uma justiça que não vise interesses e faça justiça, como tenho certo de que os eleitores desse homem só votaram nele não por amor ou que concordam com suas atitudes, mas sim por outros motivos de interesse próprio.

  • Flavio
    09 Out 2018 às 10:09

    O Brasil todo votando para excluir os pilantras. E MT me faz um trem desses.

  • cidadão
    09 Out 2018 às 09:38

    Deus nos livre deste pilantra - ex presidiário. Pior que ele só aquele do guaraná.

  • Rosino(chirrão)
    09 Out 2018 às 08:18

    Fora corruptos!!! e, APRENDA A ESCOLHER Fora corruptos!!

  • mario
    09 Out 2018 às 08:18

    quem vota em bandido, é bandido também.

  • Gumercindo do Dom Aquino
    09 Out 2018 às 07:54

    Esse cidadão representa o que de pior existe na classe política matogrossense. Quem votou nele não o conhece ou se equipara a sua índole. Politicos decadentes desse nível o povo literalmente não merece. Tomara que a justiça o proíba de disputar novas eleições. O povo agradece.

Sitevip Internet