Olhar Direto

Segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Notícias / Cidades

Polícia Civil investiga tentativa de sequestro de criança em ponto de ônibus em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

10 Out 2018 - 17:46

Foto: Reprodução

Polícia Civil investiga tentativa de sequestro de criança em ponto de ônibus em Cuiabá
Uma mãe registrou um boletim de ocorrência para informar uma tentativa de sequestro sofrida por sua filha em um ponto de ônibus, na região do Residencial Aricá, em Cuiabá. A mulher foi ouvida, nesta quarta-feira (10), na Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica).
 
A Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso informou que acompanha, por meio da Gerência de Combate a Crimes de Alta Tecnologia (Gecat), a onda de notícias supostamente falsas, compartilhadas em redes sociais (whatsapp e facebook) referente a sequestro de crianças em bairros de Cuiabá e Várzea Grande.  

Leia mais: 
Vítima de "fake news" sobre magia negra e sequestro de crianças denuncia caso à polícia

 
A Deddica buscará por imagens de câmeras de segurança da localidade e eventuais testemunhas, para identificar a suposta sequestradora, que segundo a comunicante/vítima contava com apoio de Pálio Preto. Um retrato falado também será confeccionado.
 
No mesmo dia, no entanto, Joacy Oliveira Curado, de 43 anos, registrou um boletim de ocorrência após ter a foto de seu carro, um Fiat Pálio, placas HDB-6310, compartilhada nas redes sociais, em um post que o acusa de estar sequestrando crianças para rituais de magia negra, em Cuiabá. O comunicante também será ouvido na Deddica, podendo ser requisitada perícia no veículo.
 
A Polícia Civil reforçou que todos os casos estão sendo investigados para o total esclarecimento dos fatos e, assim, dar uma resposta à população, especialmente, acalmar as mães sobre as notícias falsas que viralizaram nos últimos dias nas redes sociais.
 
Ainda conforme à polícia, todas as ocorrências oficiais serão imediatamente checadas e aqueles casos identificados comprovadamente como falsos, as pessoas poderão responder por comunicação falsa de crime ou denunciação caluniosa.
 
A instituição informa que não há nenhum registro criança desaparecida na região metropolitana. A Polícia Militar, por meio da assessoria de imprensa, relatou na manhã de hoje (10), que nenhuma ocorrência sobre isso chegou a ser formalizada.
 
 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • arnaldo
    11 Out 2018 às 08:43

    Que sacanagem estão fazendo com esse cara, eu o conheço tem um lava jato, inclusive ja lavei meu carro diversas vezes lá, é um sujeito honesto que se mata de trabalhar, não merece ta passando por isso.. lamentável, imagina se fosse com você ! Uma pessoa dessa que espalha esse tipo de coisa deveria ser presa! Da até dó do sujeito imaginando uma situação dessas.

Sitevip Internet