Olhar Direto

Domingo, 18 de novembro de 2018

Notícias / Política MT

Fábio Garcia admite desejo de estar na gestão Mendes, mas diz que decisão passa pela família

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

30 Out 2018 - 17:30

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Fábio Garcia admite desejo de estar na gestão Mendes, mas diz que decisão passa pela família
Eleito primeiro suplente de Jayme Campos (DEM) para o Senado, o deputado federal Fábio Garcia (DEM) declarou que tem o desejo de ficar em Mato Grosso a partir do ano que vem para ajudar o governador eleito Mauro Mendes (DEM) em seu governo, deixando a entender que deve assumir alguma pasta, caso receba o convite.

Leia também
Pivetta aposta em boa relação institucional com Bolsonaro para livrar MT de ‘isolamento’


Morando em Brasília nos últimos três anos e meio, Garcia disse que pretende estar próximo de sua família a partir de 2019 e que a decisão de estar no governo, caso seja convidado, passará por conversas com sua esposa e filhas.

“Meu coração diz que eu devo estar em Mato Grosso, devo estar ajudando o nosso Estado, em especial ajudando o Mauro nesta administração. Porque eu acredito muito neste projeto e lutei muito para que isso se tornasse realidade. Se a minha família decidir que eu vá para o governo, eu vou me colocar a disposição do Mauro para fazer o que ele achar onde eu me encaixo melhor dentro da equipe que ele quer formar”, afirmou o parlamentar em entrevista a Rádio Band FM.

Presidente do Democratas em Mato Grosso, Garcia é um dos homens de confiança de Mauro Mendes, de quem já foi secretário de Governo por mais de um ano na Prefeitura de Cuiabá.

Eleito deputado federal como o terceiro mais votado em 2014, com mais de 100 mil votos, o parlamentar desistiu da reeleição e se dedicou a campanha de Mauro Mendes, ficando como 1° suplente do senador Jayme Campos.

Apesar da especulação, o governador Mauro Mendes já declarou que pretende anunciar parte de seu secretariado somente na primeira quinzena de dezembro.

9 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Luciano
    31 Out 2018 às 13:54

    Fico imaginando a pasta q ele deve assumir, KKK, deve ser de obras né , o pai dele deve ter ensinado as coisas direitinhas p ele, kkkk e o povo só si ......

  • jose
    31 Out 2018 às 07:40

    kkkkkkk esses politicos sao engracados tudo depende das mulhers ,por que nao colocaram as mulhres como politicas assim elas iam governar melhor e sem roubar

  • Antônio
    31 Out 2018 às 07:30

    Não começa mentindo. Você será secretário e será candidato a prefeito. Os mentirosa estão ficando pelo caminho.

  • Nascimento
    31 Out 2018 às 07:10

    ele devia dizer quando vai assumir o senado.

  • Ângelo
    31 Out 2018 às 00:57

    "admite desejo" ? por acaso ele é grávida pra sentir desejo? quem não te conhece que te compre !

  • Henrique
    30 Out 2018 às 22:22

    Pensei que a decisão passasse pelo governador e não pela família.

  • Ana Amélia
    30 Out 2018 às 22:14

    HÁ UM DITADO POPULAR EM CUIABÁ QUE DIZ O SEGUINTE: OFERECIDO NÃO TEM PREÇO.

  • Jair
    30 Out 2018 às 21:53

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • freud
    30 Out 2018 às 18:37

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet