Olhar Direto

Domingo, 18 de novembro de 2018

Notícias / Cidades

Homem que matou irmã e jogou corpo nu em matagal é preso

Da Redação - Fabiana Mendes

07 Nov 2018 - 11:27

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Homem que matou irmã e jogou corpo nu em matagal é preso
Manoel Joadir de Arruda, de 59 anos, suspeito de matar a própria irmã de 41 anos identificada como Daisy Beatriz de Arruda e jogar o corpo nu em um matagal foi preso na manhã desta quarta-feira (7), em Nossa Senhora do Livramento (a 37 quilômetros de Cuiabá). A mãe da vítima disse que ele já teria confessado a autoria do crime e tentado se matar.

Leia mais: 
Homem mata irmã, confessa crime à mãe e corpo é encontrado sem roupas em matagal

A prisão foi realizada por policiais da 6ª Companhia Independente do município. Uma equipe recebeu informações sobre Joadir que teria cometido o feminicídio contra a irmã. Uma denúncia apontava que ele estaria a caminho do município para ir até o hospital.
 
Os militares saíram em rodas e conseguiram localizar o criminoso. Os PM’s também constataram que ele tinha um mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio. Na ocasião, ele confessou ter matado a irmã na segunda-feira (5).
 
Ele foi encaminhado para a Delegacia de Homicídio de Proteção à Pessoa (DHPP) para as devidas providências.  A motivação do crime ainda é desconhecida. 

O caso 

O corpo de uma mulher de 41 anos, identificada como Daisy Beatriz de Arruda, foi encontrado sem roupas em um matagal, pela própria mãe, na comunidade Água Sul de Cima, no município de Nossa Senhora do Livramento (a 37 km de Cuiabá), na tarde de terça-feira (6). A mãe da vítima disse que seu outro filho teria confessado a autoria do crime e tentado se matar. 


 

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Lima Luís
    08 Nov 2018 às 10:26

    Errado Luís Lima, você deve dar os parabéns aos Deputados Federais e Senadores, pois são eles que fazem os responsáveis por alterar as leis de direito penal, e não compete ao Presidente da República essa alteração, mas somente a sanção e/ou veto, e ainda assim cabe ao congresso a derrubada do veto, a justiça só peca pela morosidade e é limitada pelas leis que estão em vigência, e também os parabéns deveria ser distribuído aos eleitores que não cobram os parlamentares essas mudanças. Em minha concepção deveria no Brasil deveria ter prisão perpétua, mas a constituição proíbe.

  • Luís Lima
    07 Nov 2018 às 17:55

    A justiça brasileira é uma mãe mesmo esse lixo já tinha dois homicídios no lombo aí a justiça solta esse traste para estrupar e matar a irmã parabéns a justiça brasileira

Sitevip Internet