Olhar Direto

Quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Notícias / Cidades

Famílias de pilotos oferecem recompensa para quem fornecer informações para localizar aeronave

Da Redação - Fabiana Mendes

04 Dez 2018 - 09:30

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

John Cleiton Venera e Marcelo Balestrin.

John Cleiton Venera e Marcelo Balestrin.

As famílias do piloto Marcelo Balestrin e do co-piloto John Cleiton Venera, moradores de Rondônia, oferecem uma recompensa em dinheiro para quem fornecer informações para a localização da aeronave de pequeno porte que caiu próximo a cidade de Poconé (103 km da capital), na última sexta-feira (30). O tempo chuvoso e fechado na região metropolitana do Vale do Rio Cuiabá tem dificultado as equipes encontrarem o avião. Nesta terça-feira (4),  um avião e um helicóptero da Força Aérea Brasileira (FAB) estão empenhados nas buscas.

Leia mais: 
Ciopaer retoma buscas a aeronave que desapareceu próximo a Poconé
 
Por meio de nota enviada ao Olhar Direto, a cunhada do piloto Marcelo informou que a FAB está fazendo um trabalho fantástico na região, utilizando a melhor tecnologia e os melhores profissionais disponíveis na atualidade em busca de vestígios.
 
Todavia, destaca que o apoio da população circunvizinha é de fundamental importância para o sucesso da missão, já que é necessário encontrar vestígios para que uma equipe de salvamento seja deslocada e às buscas por terra sejam feitas, tendo em vista a extensão do campo de busca e as dificuldades do terreno cheio de serras e de pântanos.
 
“Portanto, mais uma vez convocamos a população do Mato Grosso para nos ajudar. Caso alguém tenha visto qualquer imagem suspeita na redondeza ou que tenha ouvido algum som anormal na manhã de sexta-feira, dia 30, por volta das 9h, mesmo que seja relativamente distante da Serra do Mangaval, que nos passe essas informações, para podermos verificar no local”, diz trecho da nota.
 
A aeronave teria decolado de Pimenta Bueno (RO) e teria como destino Santo Antônio do Leverger, na sexta-feira (30). Ainda não há informações sobre feridos ou mortos. As buscas feitas pelo Ciopaer iniciaram desde as primeiras horas da manhã de sábado (1) com o apoio de socorristas e membros da FAB que disponibilizou uma aeronave para a operação.
 
Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o avião é um modelo 182P, Cessna Aircraft, fabricado em 1972, pertencente a Wilson Cheris Vera e que está com o certificado de aeronavegabilidade cancelado, em situação irregular.
 
Informações podem ser repassadas para os seguintes telefones: (69) 98405-4392 (ligação) / (69) 99264-9373 (Whats) / (69) 98405-1419 (ligação e Whats)

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Juracy Ady
    04 Dez 2018 às 19:33

    Vou no templo hoje pedir oração conjunta para localizar os desaparecidos. Sangue de Jeová tem poder! Sangue do Cordeiro de Deus! Amém!

Sitevip Internet