Olhar Direto

Quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Opinião

A Luta pela sobrevivência

Autor: Wilson Carlos Fuáh

29 Jun 2019 - 08:00

Na luta pela sobrevivência, entre muitos, nós também estamos lá, por isso, temos que ir muito além do impossível, pois em cada sonho existem um êxtase a espera de um descobridor, eessa expectativa é que gera motivação, e esse estado de conquistas é que renova a arte de ser feliz e esse espírito aventureiro é que nos faz prosseguir e seguir atrás de novos objetivos, as vezes com motivação positiva ou negativa, mas só os realizadores não abandonam os seus sonhos no meio do caminho.

A vida é formada de vários registros históricos em forma de pessoalidades e a cada etapa traz-nos as passagens particularizadas, e diante dos fatos passados é que nos preenche de experiências, que em alguns momentos somos contemplados com as vitórias que vem com a sensação de ser um gigante e leva para longe o alívio das dores, esaber que estamos na luta pela sobrevivência, é que  nos mantem em pé e  seguindo pelos caminhos escolhidos, e com isso, a cada dia somos transformados em descobridor individual do segredo do nosso existir.

Cada dia nasce com sua tarefa, e o querer fazer, é que nos leva a estar sempre em busca de uma vida evolutiva,e dia sim, dia não,  encontramos ocupações fáceis e outras nem tanto, o importante é seguir em frente,  acreditando que existe uma força superior que nos leva a participar dos acontecimentos e das nossas doces ilusões, pois fazemos partes de grandes pactos sociais.

Os premiados nas lutas diárias pela sobrevivência, sabem que ao final de um dia, nada se acaba, e que o amanhã é a continuação de todas as experiências válidas ou inválidas,e quando a noite escurecer o dia,  somos chamados a provar e mensurar o nosso crescimento  interiormente.

Mas, na verdade o que nos proporciona o desenvolvimento pessoal, vem com a satisfação do trabalho e do reconhecimento social, vejam que as pessoas querem ser felizes antes de caminhar em busca dosonhou que planejou, que ainda “dá cabeçadas” por não saber que é no próprio caminhar que encontramos a felicidade, por isso, as tentativas não devem cessar nunca por lutas e glórias, e continuar fazendo história.


Economista Wilson Carlos Fuáh é Especialista emRecursos Humanos e Relações Sociais e Políticas. Fale com o Autor: wilsonfua@gmail.com
Sitevip Internet