Olhar Direto

Segunda-feira, 30 de março de 2020

Opinião

A fórmula do voto: como vencer as eleições!

Autor: Paulo Lemos

16 Mar 2020 - 08:00

Durante a pré-campanha, a legislação autoriza os pré-candidatos a defenderem bandeiras, posicionarem-se perante questões importantes para a sociedade, até apresentar propostas de ações e programas, apenas não pedir voto e apoio eleitoral, que não seja a articulação de alianças partidárias. 

Porém, a única coisa que vemos são pré-candidatos buscando apoio e financiamento, nada apresentando à população sobre ideias, pensamentos, posicionamentos político-econômico-cultural-social de interesse geral, tampouco seus currículos e supostos legados são apresentados, solamente a ânsia pelo cargo.

E no período eleitoral esse vazio subsiste, predominando ataques pessoais, uso da máquina e abuso de poder econômico, inclusive compra de votos. 

Esperar o quê de um processo corrompido e de um projeto de poder pelo poder como esse?

A lógica tem de ser diametralmente oposta a essa, como espera o eleitorado. E é possível fazer diferente e ter êxito na empreitada.

Na Palestra de Marketing Político-Eleitoral, no Damásio, em Cuiabá, no dia 03 de Abril, iremos explicar como fazer do jeito certo, como colher mais e melhores frutos, como formar e apresentar a persona da candidatura em construção, a fórmula do voto, como vencer as eleições, com ciência, consciência e experiência, inspiração e transpiração, com o que há de mais consolidado e moderno na área da Neurolinguística, das Ciências Sociais (Política, Sociologia e Antropologia), Filosofia Política, da Administração e Comunicação (Propaganda, Publicidade e Marketing), em planejamentos, planos, eleições de prioridades, organização, coordenação, ações, ferramentas, mecanismos e soluções fáceis e práticas, depois de compreendidas e assimiladas.

Maiores informações pelo site www.icursosmt.com.br, do Instituto responsável pelo evento, ICursosMT.



Paulo Lemos foi membro eleito no voto para o Diretório Central dos Estudantes da Universidade de Cuiabá, União Estadual dos Estudantes de Mato Grosso, União Nacional dos Estudantes, Secretário da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/MT, Ouvidor da Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso, por duas vezes consecutivas, Presidente do Conselho Nacional de Ouvidorias das Defensorias Públicas do Brasil, escolhido Chefe de Gabinete da Secretaria de Segurança Pública do Estado de Mato Grosso, eleito para Lista Tríplice do cargo de Ouvidor de Polícia do Estado de Mato Grosso, Assessor Parlamentar de 3 diferentes Deputados na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, eleito Presidente do Conselho Gestor de Políticas Públicas de Saúde do Município de Matupá/MT, escolhido Presidente da Comissão de Direitos Humanos da 14a Subseção da OAB/MT, e, enfim, participante de mais de uma centena de candidaturas eleitorais, em diversas frentes de assessorias.
Sitevip Internet