Olhar Conceito

Notícias / Música

Confraria do Piano reúne músicos e apaixonados pelo instrumento em Cuiabá

da Redação - Isabela Mercuri

26 Nov 2019 - 14:27

Foto: da Assessoria

Confraria do Piano reúne músicos e apaixonados pelo instrumento em Cuiabá
Com a intenção de reunir pianistas de Cuiabá para tocar, compartilhar conhecimento e levar música de qualidade para todos os cantos de Mato Grosso, o advogado, professor doutor em direito internacional e músico Valero Mazzuoli criou a ‘Confraria do Piano’, que se reuniu pela primeira vez na última segunda-feira (25), na capital.

Leia também:
Evento de blues e rock traz artista gaúcho com show ‘para dançar’ ao Empório 90

Percebendo que Cuiabá tem diversos pianistas que não se conhecem ente si, ele decidiu fazer a proposta “de promover encontros entre os mais diversos artistas do piano para que possamos juntos difundir a música clássica: tocar, trocar experiências, aprender novas técnicas, uns com os outros, e levar a música clássica, de graça, para que todos tenham acesso a ela", explica.

A ideia surgiu em um passeio no Shopping, quando viu um homem tocando piano em uma loja, e percebeu que jovens e crianças pararam para ouvir. “Foi aí que pensei: vou criar uma Confraria para que todos tenham acesso a este tipo de cultura. Contei desta proposta para o dono da loja que comprou a ideia e decidiu promover o lançamento deste grande encontro. Pesquisamos quem eram os pianistas locais, vimos que havia pessoas comuns ao nosso ciclo de amizades, e demos o pontapé inicial ao projeto".

O primeiro encontro aconteceu na última segunda-feira (25), com uma apresentação da pianista Miriam Braga, do conservatório de Tatuí, tocando Partita n° 1 em Si Bemol (BWV 825), de J. S. Bach; Sonata em Lá Bemol (Hob.XVI:46) de J. Haydn; Sonata Op. 06 em Ré Maior, de L.V. Beethoven; além das peças Nocturne Op. 27 n° 2 e Ballade n° 3 Op. 47, de F. Chopin. O evento foi promovido pela Mega Som.

"Este é um evento pioneiro em fazer com que a música clássica seja novamente uma voz comum para os pianistas da nova geração, bem como um chamariz para as pessoas que ainda não a conhecem. Ontem (24), estava testando o piano em que eu iria me apresentar (GB1 Yamaha) quando percebi que várias crianças queriam ouvir o que eu tocava. Daqui a pouco, vi que os adultos também queriam me ouvir. Estou grata por esta oportunidade, pela acolhida, e por compartilhar deste sublime encontro entre o piano, a música clássica e as pessoas desta linda e amável Cuiabá. Vida longa à Confraria do Piano!", disse Miriam Braga.

A ideia, agora, é que ele aconteça a cada dois meses. O próximo deve ser realizado em janeiro, em lugar a definir. "Esta é uma iniciativa fantástica que agrega a possibilidade das pessoas assistirem a um bom concerto de piano e dá aos pianistas a oportunidade de se conhecerem, trocarem conhecimentos e falarem entre si de projetos de dinamização da música clássica. O piano está em Cuiabá deste o século XIX, nas casas de diversas famílias tradicionais, nas escolas de música, no teatro municipal e nas orquestras que tanto nos alegram. Também nos agrada, enquanto artistas da música, saber que nossa capital abriga uma empresa preocupada e nos oferecer instrumentos de excelente qualidade e em promover a música clássica. Parabéns a todos os envolvidos.", expressou o maestro Fabrício Carvalho, da orquestra da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), que esteve presente no encontro.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Sergio
    27 Nov 2019 às 08:39

    Parabéns ao Dr Valerio pela iniciativa. Tenho certeza de que dessa união de esforços o assunto vai em frente com as forças da iniciativa privada principalmente.

  • Marlos
    27 Nov 2019 às 07:06

    Excelente iniciativa. Onde podemos saber dos próximos encontros? Essa confraria tem rede social ?

  • LUIZ ROMERO
    26 Nov 2019 às 16:26

    SERIA BOM SE HOUVESSEM ESPAÇOS PÚBLICOS PARA ARTISTAS E AMADORES MOSTRAREM SEUS DOTES GRATUITAMENTE.

Redes Sociais

Sitevip Internet