Olhar Conceito

Sábado, 28 de novembro de 2020

Notícias / Diversão e Lazer

Cão Latino anuncia encerramento das atividades por causa da pandemia do coronavírus

Da Redação - Érika Oliveira

29 Mai 2020 - 20:30

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Cão Latino anuncia encerramento das atividades por causa da pandemia do coronavírus
Um dos bares mais badalados da noite cuiabana nos últimos anos, o ‘Cão Latino’ não suportou a crise desencadeada pelo novo coronavírus e encerrou suas atividades. Com drinks diversificados no cardápio e shows constantes dos principais artistas cuiabanos, o local abriu as portas em 2018 e desde então atraía grande público.
 
Leia mais:
Bartender, músico e engenheiro comandam bar que há três meses ‘bomba’ em Cuiabá
 
De acordo com um dos sócios, o músico Thales de Paiva, o bar contava com cerca de 10 funcionários fixos, além de freelancers. O motivo do fechamento, segundo ele, foi principalmente a crise do coronavírus.
 
O ‘Cão Latino’ virou ponto de encontro do público alternativo de Cuiabá e se tornou reduto de artistas como Karola Nunes, Cris Chaves, Henrique Maluf, Juliana Grisólia, Larissa Padilha e outros grandes intérpretes regionais.
 
Os fundadores do estabelecimento apostavam numa carta diversificada de drinks a preços acessíveis, além de um ambiente amigável, o que fidelizava os clientes. Em menos de um ano de funcionamento, o bar já havia se tornado referência.
 
Este ano, quando teve início a pandemia em Mato Grosso, o bar continuou funcionado através dos serviços de delivery, no sistema bar to go, com a venda de vouchers e com realização de lives com couverts colaborativos, na tentativa de ajudar também os artistas que se apresentavam no local.
 
Reabertura gradual
 
Esta semana a Prefeitura de Cuiabá autorizou a reabertura gradual de bares e restaurantes, a partir do dia 08 de junho e com algumas restrições. No almoço, o funcionamento será das 11h às 15h e no jantar, das 18h30 às 23h. As empresas poderão abrir de terça a domingo. O sistema delivery seguirá normalmente.
 
Além disso, os bares, restaurantes e similares só poderão funcionar com 50% de sua capacidade e respietando as medidas de distanciamento e biosegurança.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet