Olhar Conceito

Quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Notícias / Saúde e Beleza

Mariana Jacarandá

Vinhoterapia e fios de seda são tratamentos essenciais para cuidar de pele desidratada, explica fisioterapeuta

Da Redação - José Lucas Salvani

10 Set 2021 - 10:39

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Vinhoterapia e fios de seda são tratamentos essenciais para cuidar de pele desidratada, explica fisioterapeuta
Apesar da chegada da chuva na capital mato-grossense ao longo da semana, o clima seco prevaleceu por cerca de dois meses. Por conta do clima, a pele facial de muitas pessoas acaba sofrendo as consequências, ficando ressecada. Para reverter o dano, vinhoterapias e uso de fios de seda são essenciais para hidratação, explica a fisioterapeuta Mariana Jacarandá.

Leia também:
Scanner mapeia arcada dentária em 3D e simula resultados, explica dentista de Cuiabá

“Nesse tempo seco a pele fica muito ressecada pela desidratação. O uso da máscara apesar de necessário acaba atrapalhando um pouco a estrutura da pele. Muitos pacientes relatam que a pele está mais sensível, ou mais oleosa, e além de tudo ressecada. Pois pele oleosa também resseca. Precisamos manter o nível hídrico da pele estável para que a pele fique sempre hidratada e saudável”, explica a profissional ao Olhar Conceito.



Para a manutenção dessa pele, é necessário a realização de vinhoterapia ou fios de seda. Para a vinhoterapia, Mariana usa uma máscara antioxidante de sementes de uva que estimula a circulação local, com oxigenação na pele, vitaminas e nutrientes para a hidratação. Após a aplicação, deixa agindo um pouco no rosto da paciente para um resultado eficiente.

Os fios de seda são muito procurados pelas pacientes e tem a mesma intenção da vinhoterapia, proporcionando uma hidratação profunda na pele do rosto do paciente. “Esse fio de seda que colocamos é produzido pelo bicho de seda. Em contato com um creme e seu ativo, a pele absorve [fazendo a hidratação]”, pontua ao Olhar Conceito.



Apesar de a vinhoterapia e os fios de seda serem ótimos tratamentos para peles secas, Mariana pontua que não é todo e qualquer paciente que passará por esses procedimentos. Tudo depende, na verdade, de uma avaliação prévia com a profissional para saber quais tratamentos são essenciais para a manutenção do tipo de pele do paciente.

“Todo paciente que chega [aqui] avaliamos primeiro a pele porque o tratamento é individualizado. Não tem como eu fazer em todo tipo de pele. Temos a base do tratamento, o que vamos usar, mas a preparação da pele e o que fazemos depois é individualizado”, ressalta Jacarandá.



Cada sessão dura entre 50 minutos e uma hora e a periodicidade varia conforme o quadro de cada paciente. Para agendar uma consulta com Mariana, basta entrar em contato com a Clínica Luvittê pelo número (65) 2127-9799.

Fisioterapeuta há 16 anos

Pós-graduada em Terapia Manual, Mariana é fisioterapeuta há 16 anos. A profissional passou por hospitais, mas sentiu que não era o que queria, então foi para a área da estética dois anos após se formar. Desde então, trabalha com estética facial e, na Clínica Luvittê, onde está há cinco anos, cuida também de fisioterapia pélvica e reabilitação pós-cirurgia plástica.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet