Olhar Conceito

Notícias / Arquitetura, décor e design

Morar Mais Por Menos

Arquiteta explora sofisticação, conforto e sustentabilidade em salas de estar e jogos

Especial para o Olhar Conceito - Thalita Araújo

09 Set 2013 - 08:55

Foto: Thalita Araújo

Parte da sala de estar de Erika Queiroz

Parte da sala de estar de Erika Queiroz

O Morar Mais Por Menos Cuiabá, realizado no Clube Dom Bosco entre 5 de setembro e 13 de outubro, presenteia o público nesta 2ª edição com 40 ambientes diferentes e muito criativos. As salas de estar e de jogos, juntamente a um lavabo, são assinadas pelo time da arquiteta Érika Queiroz.

Ela explica que, juntos, os ambientes somam 100 m². “Nós procuramos criar esses ambientes pensando no bem viver de uma família. Quem nós amamos, nós levamos para a casa da gente. É importante ter um espaço gostoso de convivência entre a família e amigos. Por isso as salas de estar e jogos foram pensadas de maneira integrada, para unir a todos, com aconchego e boa música”, conta a arquiteta.

Leia também:
Com mais sofisticação, 2ª edição do Morar Mais Por Menos encanta convidados na noite de lançamento
Morar Mais Por Menos Cuiabá é lançado ao público na próxima quinta-feira e traz 40 ambientes

Uma das principais características de Erika Queiroz, a sofisticação em projetos atemporais, é o carro chefe dos ambientes. Cores claras, leveza, cortinas, peças exclusivas e muitos espelhos, que conferem amplitude a qualquer espaço.

Tudo foi pensado de maneira a tender as bandeiras carregadas pelo Morar Mais Por Menos, cujo slogan é “o chique que cabe no bolso”. Sustentabilidade e regionalismo são pré-requisitos em todos os projetos da mostra.

Nesse sentido, a arquiteta conta que o processo de pesquisa é fundamental para soluções eficientes e que tragam ótimos resultados, também esteticamente.

Paredes da sala de jogos foram forradas com lâminas de madeira cortadas de cabos de vassoura, causando curiosidade dos visitantes, que sempre questionavam que revestimento bonito e diferente era aquele.

Todas as luminárias utilizadas no projeto são de baixo consumo e vida útil maior, propagando menos calor e economizando energia também com climatização.

No lavabo, todo o glamour do mármore Travertino Romano, o chique que coube muito bem no bolso. A arquiteta arrematou sobras do mármore a preços muito inferiores e utilizou peças pequenas e estreitas (como tacos) para montar todo o piso.

Na sala de estar, almofadas feitas por bordadeiras de Poconé e uma tela em destaque pintada por uma artista regional, Rita Duarte.

Outro grande nome das artes de Mato Grosso, Lara Matana, também está presente na personalização dos espaços, com uma escultura belíssima em madeira. A artista é conhecida por suas técnicas sustentáveis, transformando pedaços da natureza em peças de imenso valor artístico.

Um móvel revestido com pele de salmão também chama a atenção e dá um toque de exclusividade à sala de estar, além de alguns detalhes feitos com osso de boi.

“É importante que pensemos em projetos conscientes. Procuramos fazer algo com muita sustentabilidade, reaproveitamento de materiais e com baixo custo. Além de tudo, é uma ótima opção de compra aos clientes, que podem reservar já no início da mostra os objetos e móveis que desejarem adquirir”, finaliza Erika Queiroz.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet