Olhar Jurídico

Terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Notícias / Tributário

PGR emite parecer favorável à concessão de liminar pedida pelo governo de SP em ADI contra MT

De Brasília - Catarine Piccioni

30 Jul 2013 - 08:01

Foto: Reprodução

PGR emite parecer favorável à concessão de liminar pedida pelo governo de SP em ADI contra MT
A Procuradoria Geral da República (PGR) emitiu parecer favorável à concessão de liminar solicitada pelo governo de São Paulo em ação direta de inconstitucionalidade (ADI) movida para questionar benefício fiscal previsto em regulamento referente ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do estado de Mato Grosso.

O parecer foi protocolado nesta segunda-feira (29). O governo paulista considera três decretos que alteraram o regulamento sobre o ICMS. Por meio de decretos assinados pelo governador Silval Barbosa (PMDB), “o estado do Mato Grosso concedeu crédito presumido nas saídas interestaduais de carne e miudezas comestíveis de vários gêneros e tipos”.

Ministro dá cinco dias para governo de MT se manifestar em ação movida por SP
MPF apura suposta improbidade praticada por superintendente do Incra-MT

Mas o governo de São Paulo argumenta que o benefício é inconstitucional, pois foi concedido sem deliberação do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e não foi veiculado mediante sanção de lei específica. Quer a “suspensão imediata da eficácia dos dispositivos questionados” por meio da medida cautelar. E, no mérito, a declaração de inconstitucionalidade dos dispositivos.

A ação foi protocolada em 1° de abril. Trata-se de mais um episódio na chamada guerra fiscal entre estados. O governo mato-grossense já se manifestou na ADI. Caberá ao ministro Dias Toffoli (relator do caso), do Supremo Tribunal Federal (STF), apreciar os pedidos, considerando ainda a opinião da Advocacia Geral da União.


Mais informações a qualquer momento.


Leia outras notícias no Olhar Jurídico

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Paulo Economico.
    30 Jul 2013 às 10:11

    ADIVINHEM,QUEM VAI LEVAR MELHOR NESSA DISPUTA!! CLARO QUE SÃO ELES. OS FILHOS DO REI. PARA ELES TUDO PODE. É INTERESSANTE JUSTO ELE, O ESTADO MAIS RICO DO BRASIL. SÃO PAULO VCS NÃO PRECISAM DISSO. JA SÃO RICOS POR NATUREZA.

Sitevip Internet