Olhar Jurídico

Quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Notícias / Política de Classe

Pio da Silva apresenta professora da UFMT como vice-presidente para OAB-MT

Da Redação - Arthur Santos da Silva

19 Out 2015 - 16:56

Foto: Da Assessoria

Pio da Silva apresenta professora da UFMT como vice-presidente para OAB-MT
A advogada e professora há 26 anos da Universidade Federal de Mato Grosso (Campus Rondonópolis), Adelina Neres, será vice-presidente na chapa de Pio da Silva para direção da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso. “Quando conheci as propostas e a história de vida do doutor Pio da Silva, senti confiança em participar de uma gestão da Ordem dos Advogados em Mato Grosso. Pio da Silva é sem dúvida o mais preparado para promover as mudanças que nossa entidade precisa e os advogados mato-grossenses tanto almejam”, afirmou Adelina Neres.

Leia mais:
Juíza transfere audiências de deputados em desvio de R$ 60 milhões para 2016


Adelina Neres é mestre em Educação e doutoranda em Contabilidade. Advoga há 26 anos em Rondonópolis, onde já foi secretária-geral da Subseção da Ordem. Professora Titular da UFMT, durante os últimos 26 anos vem ministrando, em diversos cursos da instituição, disciplinas da área do Direito: Direito ambiental, Direito e legislação, Instituições de direito público e privado, Direito empresarial, Direito do trabalho, Direito tributário e Ética.

A Subseção de Rondonópolis congrega em torno de 1.200 advogados e é hoje o segundo maior colégio eleitoral da entidade. “Nós, que estamos ligados à Subseção de Rondonópolis, sabemos o quanto é preciso melhorar em termos de apoio ao interior. As direções que já tivemos em nossa Subseção muito fizeram pela entidade, mas ainda é preciso fazer mais. Na direção da OAB-MT vamos garantir autonomia administrativa e financeira para as Subseções, sendo que 30% (trinta por cento) do valor da anuidade será destinado automaticamente à conta corrente da subseção”, completou Adelina Neres.

A eleição para a direção da OAB-MT ocorrerá no dia 27 de novembro e cerca de 10 mil advogados adimplentes com a entidade terão direito a voto. Para concorrer, cada chapa tem que inscrever 84 advogados com mais de 5 anos de atuação no estado.

Pio da Silva destaca que está concretizando na prática o que tem defendido em propostas. “Nós preconizamos uma maior participação da advogada mulher e do interior na gestão da OAB-MT, portanto, a escolha da doutora Adelina Neres como nossa vice-presidente fortalece essa ideia e, ao mesmo tempo, com o seu preparo intelectual e sua vasta experiência, ela muito contribuirá com a realização de uma grande gestão em nossa entidade”, declarou Pio da Silva, pré-candidato a presidente da OAB-MT e líder do movimento “A Ordem em Transformação”.

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Luciana Amorim
    20 Out 2015 às 10:22

    Excelente escolha, uma mulher, advogada e professora está apta a representar a classe. Dr. Pio sempre valorizando a mulher advogada.

  • Luciano Nascimento
    19 Out 2015 às 23:34

    Parabéns D Pio e Dra Adelina pela coragem em se disponibilizarem em pró da ORDEM.

  • Lucia
    19 Out 2015 às 21:10

    Esse me faz lembrar da atual situação do país. não voto

  • Ricardo sales
    19 Out 2015 às 18:46

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Renato Motta
    19 Out 2015 às 17:40

    Dr. Pio da Silva tem o apoio dos movimentos dos jovens e das mulheres. Representa a verdadeira oposição.

Sitevip Internet