Olhar Jurídico

Sábado, 07 de dezembro de 2019

Notícias / Política de Classe

Faiad acredita em vitória de Aude e critica "denuncismo"

Da Redação - Julia Munhoz

11 Jul 2012 - 18:05

Foto: Olhar Direto

Faiad acredita em vitória de Aude e critica
O advogado Francisco Faiad, candidato a vice-prefeito de Cuiabá pelo PMDB, apesar de ter se afastado das funções da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Mato Grosso (OAB)/MT) acredita que a eleição para presidente da instituição, que será realizada em novembro deste ano, deve ser tranquila apesar de ser marcada, segundo ele, pelo ‘denuncismo’ e ‘baixo nível da oposição’.

“Não acredito que será uma eleição cara, não há necessidade de se gastar dinheiro nessa campanha uma vez que os advogados já estão extremamente conscientizados e preparados para o que pode vir, para o baixo nível que poderá vir da oposição e já estão conscientes em quem votará nas próximas eleições”, asseverou o advogado.

Francisco Faiad é conselheiro federal afastado da atual gestão do presidente da OAB de Mato Grosso, Claudio Stábile e também conduziu a presidência da instituição no triênio anterior. Ele acredita que devido ao trabalho desenvolvido nessa administração o candidato da situação Maurício Aude, vice-presidente, ganhará a disputa com tranquilidade.

Sobre as recentes cobranças dos advogados que encabeçam o grupo de oposição, Faiad foi taxativo ao citar que as críticas quanto a prestação de contas da OAB tem objetivo eleitoreiro. “Porque só acontece agora na época das eleições, porque a dois anos atrás não se requereu nada”.

No ponto de vista do jurista, o que sinaliza para uma disputa tranquila e a possível vitória de Aude seria o fato de que pelo menos 80% dos advogados aprovam a atual gestão e a falta de proposta da oposição. “Infelizmente a oposição vai querer apresentar ‘denuncismos’, mas que não vão colar e não vão mudar o pensamento dos advogados”.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Alonso
    12 Jul 2012 às 13:41

    Eu vou assistir vc perder!

  • Marcelo Moreira
    12 Jul 2012 às 02:44

    Será que vc acredita na sua própria vitória, Faiad? Dá licença!

Sitevip Internet