Olhar Jurídico

Quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Notícias / Eleitoral

Justiça Eleitoral ouve policiais em ação que pode cassar o deputado estadual Carlos Avallone

Da Redação - Arthur Santos da Silva

08 Ago 2019 - 09:00

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Justiça Eleitoral ouve policiais em ação que pode cassar o deputado estadual Carlos Avallone
A juíza Vanessa Curti Perenha Gasques, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), ouve nesta quinta-feira (8) dois policiais rodoviários federais na representação que pode cassar o deputado estadual Carlos Avalone (PSDB). 
 
Leia também 
Avallone tem quatro dias para opinar sobre oitiva de agiota em ação que pode cassar mandato


Os policiais foram responsáveis por apreender no município de Poconé (100 km de Cuiabá) um veículo Gol, de cor prata, com três suspeitos portando R$ 89,9 mil em dinheiro, além de vários santinhos de Avallone, então candidato a deputado estadual. A ocorrência acabou registrada três dias antes do pleito eleitoral de 2018.
 
Os ocupantes do veículo foram identificados como Dener Antônio da Silva, Rosenildo do Espirito Santo Bregantini e Luiz da Guia Cintra de Alcantara.
 
O procurador regional eleitoral Pedro Melo Pouchain pediu ainda que seja realizada a oitiva de um suposto agiota identificado como “Armando”. Luiz Da Guia narrou em juízo que a quantia apreendida em dinheiro era de sua titularidade, justificando que no dia da apreensão veio até Cuiabá e tomou o valor emprestado de uma pessoa cujo nome é Armando.
 
Avallone tem até a data da audiência para se manifestar sobre a possibilidade de oitiva do suposto agiota.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet