Olhar Jurídico

Quarta-feira, 08 de abril de 2020

Notícias / Geral

Justiça de Mato Grosso suspende expediente por problemas em sistemas de informação

Da Redação - Arthur Santos da Silva

26 Ago 2019 - 10:33

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Justiça de Mato Grosso suspende expediente por problemas em sistemas de informação
O desembargador Carlos Alberto da Rocha, Presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), suspendeu o expediente forense desta segunda-feira (26) no Judiciário Estadual. A medida foi publicada em portaria.
 
Leia também 
Ministra nega recurso de Galli e mantém multa de R$ 100 mil por manifestações preconceituosas


A medida foi estabelecida levando em conta a interrupção de todos os sistemas e serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação hospedados no datacenter do Tribunal de Justiça e no Fórum da Capital. O problema ocorre desde a manhã do dia 25 de agosto.
 
O presidente Carlos Alberto da Rocha informou ainda que estão sendo empenhadas “medidas corretivas” visando o “restabelecimento” do datacenter. Conforme informações divulgadas pela assessoria de imprensa do TJMT, estão sendo executadas atualização de segurança.
 
Os prazos processuais que se encerravam hoje foram automaticamente transferidos para a terça-feira (27).

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Laura
    26 Ago 2019 às 19:13

    No CERMAC falta água, e a diretora não dispensa ninguém.

  • Salcheado
    26 Ago 2019 às 18:16

    quanto mais ganham, mais se beneficiam, tem férias forense, emendam feriados, tem recesso de mais de trinta dias, etc. Coisas que só acontecem no nosso amado Brasil.

  • Cidadão
    26 Ago 2019 às 13:49

    Verdade Kellen... também acho isso... ohhhhh que inveja... não tive competência para passar no concurso público.. agora é só chorar... kkkkkkk

  • Maria
    26 Ago 2019 às 11:51

    Para de falar bobagem Kellen.

  • Kellen do CPA
    26 Ago 2019 às 10:55

    Judiciário ganha muito, tem auxílio moradia e qualquer coisa usam desculpa como pretexto para folgar.

Sitevip Internet