Olhar Jurídico

Sábado, 19 de outubro de 2019

Notícias / Criminal

Adolescente era braço direito de mulher que comandava tráfico de drogas, afirma promotor

Da Redação - Vinicius Mendes

15 Set 2019 - 11:19

Foto: Reprodução

Adolescente era braço direito de mulher que comandava tráfico de drogas, afirma promotor
O promotor Willian Oguido Ogama, da Promotoria de Justiça Vera (a 461 km de Cuiabá), afirmou, na denúncia relacionada à “Operação Presente de Grego”, que Ana Maria de Sousa, conhecida como “Tia”, apontada como comandante do tráfico de drogas na região, tinha como braço direito um dos adolescente aliciados. Foram denunciadas 11 pessoas do grupo que integrava a facção criminosa Comando Vermelho e foi verificado o envolvimento de pelo menos seis adolescentes.
 
Leia mais:
Madrasta acusada de matar enteada envenenada tem prisão mantida após audiência de custódia
 
O promotor afirmou que os denunciados, de forma estruturalmente ordenada e caracterizada pela divisão de tarefas, integraram organização criminosa armada e se associaram para a prática de tráfico de drogas no município de Vera.
 
Ele apontou que eles integravam o Comando Vermelho, sendo que em Vera a comandante do tráfico era Ana Maria de Souza, que promovia diversas ações criminosas por meio de um adolescente. Um dos envolvidos teria relatado, inclusive, que ela fazia ameaças dizendo que quem comprasse drogas em outros municípios levaria um "salve".
 
Ana Maria, a “Tia”, exercia a função de gerente/contadora e era responsável por autorizar a abertura de “lojinhas” (para venda de drogas) mediante cadastramento. Ela mantinha contato constante com um adolescente considerado o “disciplina” da organização (responsável por disciplinar integrantes da facção quando cometem alguma infração”).
 
O adolescente era o principal vínculo de “Tia” com os demais traficantes locais, já que era através dele que eram dadas as permissões para a instalação de novas “lojinhas”. Era ele também quem repassava os valores das drogas a “Tia”.
 
“Foi possível constatar conversas no grupo do aplicativo WhatsApp, denominado “Conversa com Disciplina”, sendo verificado que Tia cobrava semanalmente que os disciplinas da facção fizessem a contabilidade da droga vendida e quanto ainda restava”.
 
O promotor verificou o envolvimento de pelo menos seis adolescentes nesta organização criminosa que atuava no município de Vera.
 
O caso
 
Onze pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso por promover, constituir, financiar ou integrar organização criminosa para a prática do tráfico de drogas, no município de Vera, distante 460 Km  de Cuiabá. De acordo com o inquérito policial, o grupo integrava o “Comando Vermelho” e contava inclusive com a participação de adolescentes. Os fatos vieram à tona, conforme o Ministério Público, na Operação “Presente de Grego”, realizada pela Polícia Civil.
 
Foram denunciados Ana Maria de Sousa, Alysson Henrique Pereira da Silva, Ana Drieli Aparecida da Silva, Carina Aparecida Nossal, Emanoele Pedrosa de Barros, Joel André de Lima, Valdislei Rogério Mafra, Vilma Romilda Mailer, Viviane Silva Pereira, Wellington Barbosa de Oliveira e Wender Pedroso de Barros. O MP também ingressou com representação contra os adolescentes pela prática de atos infracionais.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • B17
    15 Set 2019 às 20:13

    Risco-país cai para o menor nível desde 2013. Boas notícias não param de chegar”, escreveu Bolsonaro. “Aos poucos, com a ajuda de todos, podemos recuperar mais rapidamente nosso amado Brasil!”, complementou o presidente.

Sitevip Internet