Olhar Jurídico

Terça-feira, 02 de junho de 2020

Notícias / Geral

Defensoria solicita linhas de transporte público exclusivas para idosos, hipertensos e diabéticos

Da Redação - Arthur Santos da Silva

06 Abr 2020 - 15:30

Foto: Rogério Florentino/ Olhar Direto

Defensoria solicita linhas de transporte público exclusivas para idosos, hipertensos e diabéticos
A Defensoria Pública de Mato Grosso (DP-MT) ingressou com liminar pedindo que as empresas de transporte coletivo disponibilizem linha exclusiva de ônibus para atender os passageiros dos grupos de risco ao novo coronavírus (Covid-19), como idosos, hipertensos, diabéticos, pessoas com doenças respiratórias, entre outros.

Leia também 
Promotora investiga sete fazendas de MT suspeitas de praticar desmatamento e fraudes


“Além dos dos 30% da frota que já estão circulando, o objetivo é ter uma linha exclusiva com álcool em gel e distanciamento entre os passageiros para as pessoas nos grupos de risco da Covid-19”, explicou o defensor público João Paulo Dias, coordenador do Núcleo de Defesa do Consumidor (Nudecom).

Com base no pedido, o juiz Bruno D’Oliveira Marques, da Vara Especializada da de Ação Civil Pública e Ação Popular da capital, estabeleceu um prazo de 72 horas para que a Prefeitura de Cuiabá responda sobre a possibilidade de atender à petição.

Segundo Dias, apenas 30% dos ônibus em circulação não são suficientes para os grupos mais vulneráveis ao coronavírus. Por isso, é necessário aumentar o número de circulares nas ruas para atender de maneira adequada as pessoas em situação de risco.

A ação cita ainda que muitos aposentados ganham um salário mínimo e não têm condições de custear transporte particular. “Neste momento de crise, as empresas de ônibus devem dar sua contribuição à sociedade, fornecendo linhas exclusivas e prezando pela saúde dos passageiros”, destacou o defensor.

O pedido também menciona as medidas de prevenção do Ministério da Saúde (MS), apontando que as concessionárias de transporte coletivo devem higienizar os veículos com álcool em gel, assegurando o distanciamento entre os passageiros de pelo menos um metro e meio, não permitindo que pessoas viagem em pé, além de outras medidas para proteger os passageiros, principalmente aqueles nos grupos de risco.

Em nota, a Prefeitura de Cuiabá informou que realiza estudos sobre a viabilidade do pedido e que, por meio de decreto, já determinou uma série de ações para a proteção da população, e reforça a necessidade do isolamento social, fundamental para evitar a disseminação do novo coronavírus.

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Rubens Tadeu Reynaud
    07 Abr 2020 às 08:57

    IDOSO NÃO PODE PASSEAR? TRABALHOU A VIDA INTEIRA. TENHA PACIÊNCIA PREFEITO DE MEIA TIJELA.

  • LONDON
    07 Abr 2020 às 08:38

    Não quero segregar,as seria melhor mesmo ônibus para transportar apenas idosos. Trabalho 12 por 36 e sempre pela manhã bem cedinho tem idosos que visivelmente estão passeando. Não é questão de atrapalhar, porém sobrecarregada uma estrutura que já é caótica ( transporte público)... Meus senhores, minhas senhoras FIQUEM EM CASA!!!! POR FAVOR!!!!

  • Amosil
    07 Abr 2020 às 06:23

    Era só o q faltava ..! Tão querendo ônibus pra irem no baile da 3 Idade lá no CPA.

  • Telma Morada do Ouro
    06 Abr 2020 às 17:08

    Que pedido imbecil dessa defensoria. Pensei que MAIS idiota que o presidente não teria nesse ano, mas esse supera. Daqui a pouco pedem ônibus para flameñguistas, entendidos e por aí vai. Como MT é muito atrasado.

  • bruno
    06 Abr 2020 às 16:52

    A aplicabilidade disso é zero, pq será dificil o controle disso. Já é dificil controlar a população em geral, imagina de um grupo especifico. O motorista vai pedir o atestao medico toda vez q for entrar?

  • arruda
    06 Abr 2020 às 16:31

    tem muitos idosos que estao trabalhando, e outros só passeando e nem pode andar sozinho mais assim mesmo saem

Sitevip Internet