Olhar Direto

Notícias / Brasil

Aécio quer evitar disputa personalista no PSDB para eleições de 2010

Folha Online

06 Jan 2009 - 13:58

Sem esconder sua intenção de disputar a Presidência da República pelo PSDB em 2010, o governador de Minas, Aécio Neves (PSDB), afirmou nesta terça-feira que não gostaria de ver uma disputa personalista pela candidatura do partido. Para ele, o partido deveria escolher qual o melhor projeto, não apenas escolher um nome para disputar a eleição.

Aécio afirmou que pretende começar a viajar pelo país a partir de março --mais de um ano antes da disputa-- para discutir suas propostas em diferentes Estados. "O tempo que me for possível pretendo fazer algumas viagens por algumas das regiões do país, buscando não apenas apresentar propostas, mas colher sugestões para que o PSDB, no momento em que definir qual seja o seu candidato, não escolha apenas um nome, mas optem por um projeto", afirmou o governador.

Hoje, Aécio visitou uma obra do Estado em Belo Horizonte ao lado do prefeito Márcio Lacerda (PSB). Uma das obras foi no leito do ribeirão Arrudas, que transbordou por causa das chuvas no feriado do Reveillon e causou ao menos quatro mortes na capital mineira.

De acordo com o Aécio, que disputa a indicação do partido com o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), ainda não há uma programação para que o PSDB realize prévias para escolher seu candidato em 2010. "Essa é uma questão da direção do partido, em especial do secretário-geral do PSDB, deputado Rodrigo de Castro, que tem a responsabilidade de apresentar ao diretório a proposta de prévias."

O governador, no entanto, voltou a afirmar que a candidatura deve ser construída com aliados, descartando, assim, uma "chapa pura" com os nomes dos dois governadores tucanos. "O que pretendemos é ajudar o PSDB a construir [uma candidatura] com aliados, é importante que os aliados estejam presentes nesta discussão, um projeto para o Brasil pós-Lula", disse.
Sitevip Internet