Olhar Direto

Quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Notícias | Brasil

Lacerda toma posse em Belo Horizonte e põe o pé na lama

O primeiro ato do prefeito Marcio Lacerda (PSB), logo após o encerramento das cerimônias de posse e transmissão de cargo na Prefeitura de Belo Horizonte, foi tirar o terno e pôr o pé na lama. Ele foi visitar a área da cidade fortemente atingida por uma enchente na noite de quarta-feira (31), o que causou a morte de três pessoas e deixou muitas famílias sem todos os seus pertences.

Enquanto Lacerda ia para a área afetada, acompanhado dos seus auxiliares diretos, sua mulher, Regina, foi representá-lo e prestar a solidariedade da prefeitura aos parentes dos mortos. A intenção era que a primeira-dama municipal fosse aos três velórios das vítimas das enchentes da noite anterior.

O vazamento do ribeirão Arrudas em ao menos um ponto causou grandes danos em vias e na rede de esgoto e água, o que exigirá tempo e dinheiro para os reparos. Lacerda disse que os técnicos estão trabalhando para levar a ele todos os problemas em detalhes.

"Nós temos que trabalhar para resolver os problemas mais prementes, como é o caso também do transporte e do trânsito, mas que também não têm solução de curto prazo."
No discurso de posse, Lacerda disse que, no momento de crise econômico-financeira, será importante manter a parceria com o governo do Estado e com o governo federal.

"Faremos os ajustes orçamentários que vierem a ser necessários, para que menos impactos [os efeitos da crise] tenham sobre os serviços e as áreas fundamentais para a vida da cidade", disse o prefeito.

Ele, que vem da iniciativa privada, focou no discurso a ética e a necessidade de cumprir metas e gerenciar sob formas modernas. "O meu compromisso é fazer um trabalho em quatro anos. Eu não sou um político de carreira, eu não tenho essa vocação", disse Lacerda.

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui
Sitevip Internet