Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de junho de 2019

Notícias / Cidades

Chuvas fortes deixam Defesa Civil de Santa Catarina em alerta

ABr

03 Jan 2009 - 12:00

As chuvas fortes voltaram a preocupar a Defesa Civil de Santa Catarina. Desde a última quinta-feira (1º), os temporais atingem o estado, principalmente o litoral sul, informou hoje (3) o gerente da Defesa Civil catarinense, major Emerson Neri. “A situação se complicou no litoral, que já tinha sido atingido em novembro e dezembro”, afirmou ele.

O alerta de Defesa Civil é de mais chuvas no estado pelo menos até amanhã (4). Também devem ocorrer ventos intensos, com forte agitação marítima e risco de ressaca, especialmente entre Florianópolis e Passo de Torres, no litoral sul, na divisa com o Rio Grande do Sul.

Um dos pontos de alerta é a situação do Rio Araranguá, no sul do estado, que deve transbordar. “O nível de alerta dele é quando a água sobe dois metros e meio. Hoje, já está em dois metros e trinta e três centímetros. E deve chover mais 120 milímetros nas próximas vinte horas, o que é um volume considerável”, disse o major, em entrevista à Agência Brasil.

De acordo com gerente da Defesa Civil, o escoamento das águas do Araranguá será ainda mais difícil porque o rio está em uma área de planície e o mar apresenta condições de ressaca, “com ondas de quatro metros de altura”.

Outro foco de alerta para a Defesa Civil do estado é a a região do Alto do Baú, no município de Ilhota, um dos mais atingidos pela enchente de 2008. O entorno da área foi condenado por causa do risco de novos desabamentos, mas alguns moradores retornaram para suas casas. Com as chuvas dos últimos dias, o local voltou a ficar isolado, após perda dos acessos para veículos. “Felizmente, essas pessoas conseguiram deixar o local a pé ontem à noite”, relatou.

De acordo com o major, muitas áreas do estado ainda correm risco de desabamentos e deslizamentos de terra por causa da quantidade de chuvas dos últimos meses.








Sitevip Internet