Olhar Direto

Quinta-feira, 05 de agosto de 2021

Notícias | Educação

Polícia Militar elabora planejamento de rondas escolares

O planejamento para realização das rondas escolares em Cuiabá já está em fase de conclusão. As duas cidades possuem um total de mais de 170 colégios, somente na rede estadual. Só na capital mato-grossense, Cuiabá, são mais de 97 unidades municipais, além de outras 46 creches.

O comandante regional de Cuiabá, coronel Osmar Lino Farias, afirmou que diante da demanda o planejamento é extremamente detalhado. O policial vai a unidade, visita o local, e tem que conversar com algum representantes da administração escolar. Informou ainda que a idéia é manter a mesma equipe partindo da premissa de respeito ao policiamento comunitário. Em razão da quantidade de escolas, explica ele, não é possível garantir que as visitas aconteçam sempre nos mesmos horários.

Ele avalia ainda que a existência de terrenos baldios, além de pontos onde a iluminação é precária também favorecem às ações criminosas. Ele lembra ainda que existem premissas de segurança que devem ser seguidas para garantir o patrimônio das escolas.

Coronel Farias citou ainda o caso da escola municipal Floriano Bochencki (antiga 13 de Setembro), instalada no bairro Parque Atalaia, que em 2007 enfrentou graves problemas na área de segurança. Representantes da administração chegaram a receber ameaças, mas terminaram presos. Em dezembro passado, o comandante do 9º BPM, tenente-coronel Antônio Mário Ibanez, juntamente como adjunto, major James Lyra, esteive reunido com a direção da escola. Durante a reunião definiram ações a serem adotadas para 2009. O ano letivo começa no dia 9 de fevereiro e a unidade possui 430 alunos.

O coordenador de Programas de Segurança da Secretaria Estadual de Educação (Seduc), Carlos Caetano, vê as visitas de maneira saudável. “Houve evolução no processo de segurança. O Trabalho tem apresentado resultados positivos. Nós firmamos convênio com a Secretaria de Justiça por meio de projetos como Rede Cidadã, além do Proerd, que visam o trabalho de conscientização e prevenção de alunos contra as drogas”. Ele pondera ainda que ainda existem problemas, já que são 82 escolas somente em Cuiabá, mas que o trabalho conjunto com a Polícia Militar tem surtido efeito. “Tivemos problemas com as gangues, em unidades na área central, e hoje a questão foi sanada. A parceria é fundamental”.
Sitevip Internet