Olhar Direto

Quarta-feira, 17 de julho de 2019

Notícias / Esportes

Com risco de perder Rodrigo, São Paulo quer manter Anderson

Folha Online

03 Jan 2009 - 07:26

Diante das dificuldades de conseguir manter o zagueiro Rodrigo em seu elenco para 2009, o São Paulo pretende convencer Anderson, reserva na maior parte do último Brasileiro, a permanecer no clube.

O defensor, ex-Corinthians, que foi contratado do Lyon no segundo semestre de 2008, gostaria de deixar a equipe dirigida pelo técnico Muricy Ramalho para jogar com maior frequência.

"Nunca tivemos a intenção de liberar o Anderson. Além do bom currículo, ele fez partidas muito boas nas ultimas apresentações. Vamos conversar com ele e mostrar que as perspectivas desse ano são melhores do que a do ano passado", disse o vice-presidente de futebol do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, em entrevista à rádio Jovem Pan.

Rodrigo chegou ao Morumbi praticamente junto com Anderson e foi titular do companheiro durante a temporada. Seu empréstimo pelo Dínamo de Kiev venceu no fim do ano e clube ucraniano não pretende renovar o acordo de cessão temporária --quer negociar os direitos federativos do atleta.

"[A permanência do Rodrigo] é uma possibilidade difícil de ser atingida, mas ele não é carta fora do baralho. Eles querem cedê-lo em definitivo, o que não interessa ao São Paulo, mesmo que havia redução no valor pedido. Insistimos no empréstimo até o meio do ano", afirmou o dirigente.

Com dúvidas sobre a permanência de Rodrigo, o São Paulo já reforçou sua defesa para 2009 com o zagueiro Renato Silva, ex-Botafogo. Os laterais Wagner Diniz (Vasco) e Júnior César (Fluminense), o volante Eduardo Costa (Espanyol) e o atacante Washington (Fluminense) também já foram anunciados.

O volante Arouca também está contratado, mas ainda tem contrato vigente com o Fluminense até o dia 30 de abril. O São Paulo negocia com o time carioca para poder utilizar o jogador já no início do ano.

"Apresentamos a eles alguns jogadores que eventualmente poderíamos ceder, e eles nos solicitaram outros nomes. Ficamos de conversar com as diretorias e comissões técnicas", revelou Leco, que irá conversar sobre o assunto com o diretor de futebol do Fluminense, Alexandre Faria, na segunda-feira.
Sitevip Internet