Olhar Direto

Quinta-feira, 05 de agosto de 2021

Notícias | Mundo

ONU acusa Israel de violar leis internacionais

A Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) realizou hoje uma sessão de emergência na qual seu presidente acusou Israel de violar a legislação internacional ao fazer pressão com sua excessiva ofensiva militar na Faixa de Gaza. Um delegado israelense tentou obstruir a sessão com medidas de conduta, argumentando que, sob a Carta da ONU, a assembleia de 192 membros não pode intervir num assunto que já está sendo discutido pelo Conselho de Segurança.

Mas a alegação de Israel foi repudiada e o presidente da assembleia, o nicaraguense Miguel d'Escoto Brockmann, abriu a sessão requerida por 118 Estados membros que formam o movimento de países não-alinhados. Hoje, a agência da ONU para Refugiados Palestinos (UNRWA, na sigla em inglês) suspendeu suas operações em Gaza depois de seu complexo ter sido atingido por várias bombas israelenses, ferindo três de seus funcionários. As informações são da Dow Jones.
Sitevip Internet