Olhar Direto

Terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias / Política MT

Prefeito de Peixoto de Azevedo anuncia auditoria na prefeitura

Só Noticias

02 Jan 2009 - 16:37

O prefeito de Peixoto de Azevedo, Sinvaldo Santos Brito (PP), decidiu suspender os atendimentos na prefeitura para fazer uma "averiguação minuciosa da documentação financeira e orçamentária". A equipe de transição, logo após as eleições, teve dificuldades no entendimento e praticamente não teve acesso às documentações solicitadas. Ele deve determinar auditoria nas contas publicas e já pediu ajuda ao Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE).

O ex-prefeito Gildo Bianchi Filho (PR) indeferiu várias solicitações como a folha de pagamento dos funcionários e os valores percebidos por cada um, informa a assessoria de Sinvaldo.

"Cerca de 90% dos maquinários estão sucateados e não oferecem condições mínimas de trabalho. Vários convênios foram suspensos e o que ainda não foram, corre o risco de suspensão devido à falta de prestação de contas que não foi feita no tempo exigido", acrescenta a assessoria, em nota encaminhada ao Só Notícias.

Hoje pela manhã, o prefeito Sinvaldo Santos Brito reuniu-se com os funcionários do setor de saúde e constatou as dificuldades que o setor enfrenta. Todas as secretarias da administração estão passando por uma “varredura” e vários problemas já foram detectados. “Precisamos contar com ajuda de todos os funcionários e com a compreensão da população para tirarmos as finanças da prefeitura no caos em que se encontra”, finalizou Sinvaldo.

Outro preocupação é a possibilidade de o município arcar com uma divida antiga, que se arrasta há vários anos na justiça. Uma empresa imobiliária ganhou ação de ressarcimento de aproximadamente R$ 27,4 milhões, por uma desapropriação feita pela prefeitura há mais de 15 anos para a criação dos bairros Mãe de Deus e Aeroporto.

Sitevip Internet