Olhar Direto

Quinta-feira, 09 de abril de 2020

Notícias / Política MT

Técnicos da Caixa paralisam e relatório de obras fica comprometido

Da Redação/ Kelly Martins

06 Abr 2009 - 20:32

Foto: Secom/MT

Relatório da Prefeitura fica comprometido com paralasição de técnicos da CEF

Relatório da Prefeitura fica comprometido com paralasição de técnicos da CEF

O relatório de documentos elaborado pela Prefeitura Municipal de Cuiabá sobre o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) está “ameaçado” e não deverá ser encaminhado a tempo para o Ministério das Cidades, na tentativa de esclarecer as denúncias de irregularidades apontadas pela Controladoria Geral da União (CGU). Isso porque, os engenheiros e arquitetos da Caixa Econômica Federal (CEF) declararam hoje, uma paralisação de 24 horas para esta terça-feira (7), exigindo reajustes.

Dessa forma, os técnicos não vão trabalhar durante toda semana, inclusive no feriado prolongado, conforme havia determinado o prefeito da capital, Wilson Santos (PSDB), para conseguir tempo hábil para enviar os documentos até o dia 13 de abril (segunda-feira). É a CEF responsável para verificar o cumprimento das readequações determinadas pela CGU.

O prefeito Wilson Santos confirmou ao site Olhar Direto que a paralisação dos técnicos vai prejudicar mais ainda a juntada de papéis. No entanto, ressaltou que o Executivo municipal está preparado para responder todos os questionamentos até o prazo estimulado.

Disse ainda, que a equipe da Prefeitura que está trabalhando na juntada do papeis é encabeçada pelo procurador geral do município, José Antônio Rosa, que foi a Brasília (DF) se encontrar com o assessor especial de Controle Interno do Ministério das Cidades, Homero Lima, para verificar os processos de prazos e deverá pedir prorrogação da data.

O programa tem sido alvo de muito polêmica em Cuiabá, principalmente depois que a CGU apontou irregularidades que vão desde superfaturamento, ou sobrepreço, até a questão dos lucros da empreiteiras que realizam as obras. A CGU fez 11 recomendações para que a Prefeitura tome providências em relação à composição da Bonificação de Despesas Indiretas (BDI) e a sobrepreço na compra de tubos de ferro fundido.

Greve

Ao todo, 1.300 engenheiros e arquitetos da Caixa Econômica Federal em todo o país, que acompanham e fiscalizam as obras, marcaram uma paralisação de 24 horas para esta terça-feira exigindo reajustes da categoria. Responsáveis pela análise de projetos e acompanhamento de obras do governo, a categoria pode atrasar a liberação de financiamentos. Na quarta-feira (8), deve ser realizada uma reunião em Brasília.

A Associação Nacional dos Engenheiros e Arquitetos da Caixa rejeitou no mês passado uma proposta de aumento para os profissionais por considerá-la inferior ao esperado. A CEF ofereceu aumento de R$ 70 para os profissionais que recebem o piso da categoria, de R$ 5.030, e de R$ 26 para os funcionários que estão no topo da carreira, com salário de R$ 8.289.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Luciano
    07 Abr 2009 às 19:49

    Prezado REPORTER Sugiro que entre em contato com um representante estadual da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE ENGENHEIROS E ARQUITETOS DA CAIXA, para que tenhas acesso a informações fidedignas. Inicialmente, não se trata de greve e sim paralisação, já que a empresa deveria ter implementado um PCS de acordo com uma pesquisa de mercado junto a órgãos públicos e privados, conforme acordo coletivo. Segundo: não se trata de greve por mero reajuste e sim uma paralisação por um PCS que elimine distorções provocadas pela própria empresa com arremedos de planos de carreira. Terceiro: Estes profissionais são responsáveis por garantir que o dinheiro público seja bem aplicado e não engorde bolsos alheios, assim merecem valorização, por seu comprometimento exemplar e exposição diária a pressões diversas.

Sitevip Internet