Olhar Direto

Quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Notícias / Economia

AIE vê queda na demanda por petróleo nos emergentes

AE

10 Abr 2009 - 10:00

A Agência Internacional de Energia (AIE) rebaixou sua estimativa pela demanda global por petróleo em 2009 depois de um muito menor que esperado crescimento econômico global. A agência sediada em Paris baseou sua projeção em uma incomum severa recessão nos países ricos e também revisou suas estimativas para os países em desenvolvimento, onde a demanda pela matéria-prima é vista em queda pela primeira vez em 15 anos.

Em seu levantamento mensal, a AIE cortou sua previsão da demanda este ano para 1 milhão de barris/dia, para 83,4 milhões de barris/dia - queda de 2,8% ante o ano passado. A agência disse que "o ritmo de contração está perto do nível dos anos 1980, com um crescente consenso de que a recuperação da economia e da demanda de petróleo será adiada para 2010".

Nos países ricos pertencentes à Organização para a Cooperação Econômica e Desenvolvimento (OCDE), a previsão da AIE é de um corte na demanda de 760 mil barris/dia, para 45,2 milhões de barris/dia - 4,9% menor que em 2008.

Nas nações em desenvolvimento (não-OCDE), a agência disse que reduziu sua expectativa de demanda por petróleo em 230 mil barris, para 38,3 milhões de barris/dia - 0,1% mais baixo que um ano antes.

"Embora pequena, está será a primeira contração da demanda dos países não-OCDE desde 1994", informou a AIE. As altas nos preços da commodity em março passado e em abril são devidos às expectativas do mercado financeiro de que a economia global está começando a melhorar, mas os fracos fundamentos econômicos vão limitar maiores altas, disse a agência.
Sitevip Internet