Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de junho de 2019

Notícias / Política MT

Serys diz que não abre mão de disputar uma das vagas do Senado em 2010

De Brasília - Marcos Cotuinho

15 Abr 2007 - 16:00

A senadora Serys Slhessarenko, do PT, afirmou que em hipótese alguma abre mão de seu projeto de disputar a reeleição em 2010 e avalia que ainda "é muito cedo para discutir sucessão estadual", em entrevista concedida para o Olhar Direto.

Considerada independente no PT, ou seja, não alinhada a nenhuma corrente interna, Serys, mais do que nunca, está em rota da colisão com o grupo do deputado federal Carlos Abicalil, cujos partidários denfendem que o parlamentar também dispute uma vaga de senador no próximo ano. 

"Este é o momento de discutirmos a inclusão de Mato Grosso no Pronaf, dupicação da BR 364, pavimentação da BR 158, emenda de R$ 205 milhões da Funasa, investimentos para a área habitacional com segurança energética e ambiental, apoio ao projetos de regularização fundiária e não a sucessão ou questões internas do PT de Mato Grosso", ponderou.

Apesar da retórica, Serys sabe que, cedo ou tarde, terá que enfrentar o grupo de Abicalil, hegemönico no diretório regional do PT,  que vai decidir quem é quem no processo sucessório de 2010. Nos bastidores, ela manda sinais de que não aceitará outra opção a não ser uma nova candidatura ao Senado. Do lado de Abicalil, o recado foi enviado pelo secretário de Educação, Saguas Moraes, segundo o qual o momento é de Serys ceder espaço para o deputado federal.
Sitevip Internet