Olhar Direto

Quinta-feira, 18 de julho de 2019

Notícias / Cidades

Governo subsidiará companhias aéreas para diminuir preço das passagens regionais

Da Redação - Wesley Santiago

26 Abr 2014 - 08:51

Foto: Priscilla Silva/OD

Governo subsidiará companhias aéreas para diminuir preço das passagens regionais
O governo federal decidiu subsidiar as empresas aéreas brasileiras, inclusive as grandes como TAM, GOL e Azul, que quiserem fazer voos regionais. Os recursos serão transferidos diretamente para as companhias e será usado para cobrir parte do custo operacional, reduzindo assim o preço das passagens. As informações são do jornal O Globo.

Veja mais:
Aeroporto de VG terá voo internacional; MT se beneficia com novo PAC
Aeroporto de Cuiabá será entregue em duas etapas, antes e depois da Copa

O projeto obedecerá a uma formula que levará em conta o número de passageiros por voo, a distância do aeroporto e o custo do combustível. Com isso o governo federal poderá bancar até 60 assentos por viagem. A medida tomada pelas autoridades brasileiras integra a política do governo para desenvolver a aviação regional no país. São 270 aeroportos de pequeno e médio porte, fora das capitais, que serão contemplados. Em Mato Grosso aeroportos como os de Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta começaram a receber investimentos do PAC Aeroportos.

O dinheiro que será investido nas companhias aéreas virá do Fundo Nacional de Aviação Civil (Fnac), que será abastecido pelo pagamento das concessões dos aeroportos que o governo federal fez. A previsão é que neste ano chegue a R$ 3 bilhões. O tesouro nacional ainda irá definir a quantia que será destinada.

Segundo fontes do O Globo os valores serão repassados às companhias a título de subvenção econômica depois do serviço prestado, com base na apresentação de planilhas de custo. Um projeto de lei com pedido de urgência será enviado ao Congresso para que a medida seja implantada o quanto antes.

As empresas aéreas parecem ter gostado da proposta do governo e acreditam que o incentivo será benéfico para todos. A ação deverá alavancar os voos para o interior dos Estados que ainda tem situação precária em seus aeroportos. Com a viagem mais curta, há a ainda a possibilidade de crescimento nos negócios destes municípios. O turismo também pode ser outro a tirar proveito.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Urbanista
    26 Abr 2014 às 15:27

    A medida do governo é boa. Mas pela foto deve ser as acanhadas instalações do aeroporto "internacional" de Cuiabá.

  • Julinho
    26 Abr 2014 às 15:20

    Basta baixar os impostos cobrados de operações e principalmente o preço do querosene de aviação que ajudaria muito.

Sitevip Internet