Olhar Direto

Segunda-feira, 27 de maio de 2019

Notícias / Carros & Motos

A cada hora, um homossexual sofre violência no Brasil

Terra

21 Nov 2014 - 12:45

A cada hora, um homossexual sofre violência no Brasil

Cerca de 76% dos casos são de preconceito no trabalho, assédio moral e perseguição e aproximadamente 26% deles acontecem em grandes cidades

Números da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDHPR) obtidos pelo Estado de S. Paulo mostram que, a cada hora, um homossexual sofre algum tipo de violência no País. As denúncias de preconceito contra gays, lésbicas, travestis e transexuais (LGBTs) saltaram de 1.159, em 2011, para 6,5 mil casos até outubro deste ano, o que representa um aumento de 460%.

Ainda segundo os dados, os jovens são as principais vítimas dos atos violentos e representam 33% do total das ocorrências. A cada quatro casos de homofobia registrados no Brasil, três são com homens gays. Cerca de 76% dos casos são de preconceito no trabalho, assédio moral e perseguição e aproximadamente 26% deles acontecem em grandes cidades. 

A secretaria considera positivo o crescimento nos registros de homofobia. A coordenadora da área LGBT, Samanda Freitas, disse, ao jornal, que o próximo desafio é garantir que esses crimes sejam apurados. "Precisamos melhorar o atendimento desses casos e isso passa por um treinamento dos policiais para que identifiquem os crimes de ódio LGBT e investiguem com o mesmo cuidado que as demais ocorrências", afirmou.

Nos últimos dias, dois casos de São Paulo ganharam destaque na mídia. No dia 9, dois namorados foram agredidos por 15 homens em um vagão do metrô e, no domingo passado, um jovem foi assassinado a facadas em frente ao Parque do Ibirapuera. 

 

Sitevip Internet