Olhar Direto

Notícias / Carros & Motos

Nova geração do sedã japonês de 310 cv chega por R$ 194 mil

Terra

12 Ago 2015 - 17:11

Nova geração do sedã japonês de 310 cv chega por R$ 194 mil
aru lançou nesta sexta-feira, em Indaiatuba (SP), a nova geração dos sedans esportivos WRX e WRX STI. Produzidos no Japão e importados pela CAOA, os veículos estarão disponíveis nas concessionárias a partir de agosto e custarão R$ 147,9 mil e R$ 194,9 mil, respectivamente.

O WRX STI chega ao mercado brasileiro com motor Boxer Turbo 2.5 litros capaz de desenvolver 310 cavalos de potência. O propulsor, aliado a um câmbio manual de seis velocidades, leva o carro a uma velocidade máxima de 255 km/h, limitada eletronicamente, e de zero a 100 km/h em apenas 5s2.

O veículo possui um sistema que permite ao motorista escolher entre três configurações de dirigibilidade: Intelligent, Sport e Sport Shap. Um gráfico da curva de torque do modo de condução escolhido aparece na tela de LCD, sinalizando o comportamento do carro aos comandos do condutor.

Pela primeira vez, o veículo será equipado com volante de base reta (revestido em couro), semelhante aos usados em alguns carros de competição. Nas extremidades dos raios estão instalados os botões de acionamento do sistema de áudio e os comandos do piloto automático.

Por fora, o veículo tem para-choque dianteiro com entrada de ar central e dois conjuntos ópticos nas extremidades. Na parte central do capô está instalada uma grande entrada de ar para o motor. Já na parte traseira, o aerofólio instalado na tampa do porta-malas reforça a esportividade, além de ter uma importante função aerodinâmica.

Internamente, o carro é preto do assoalho ao teto e possui bancos em Alcântara com costuras vermelhas. O WRX STI vem equipado com uma tela multifuncional que apresenta as principais informações do veículo (como consumo e distribuição de tração nas rodas). Na parte central está instalada uma tela sensível ao toque de 6,2 polegadas.

O WRX STI será vendido no Brasil em versão única de acabamento. De série, o carro vem com teto solar elétrico, faróis de xenônio, rodas aro 18” em alumínio forjado, ar-condicionado dual zone e detalhes de acabamento em carbono, entre outros.

A marca confirmou que existe a possibilidade da chegada de uma versão com câmbio automático no futuro, mas a data não foi especificada.

Subaru WRX

Outro modelo apresentado pela marca foi o WRX – versão menos esportiva, mas não muito menos potente – do veículo. Equipado com motor Boxer Turbo 2.0 litros, de 270 cavalos, o carro vem com câmbio automático de oito velocidades e atinge até 270 cavalos de potência. A velocidade máxima do veículo não foi divulgada.

Apesar do câmbio automático, o WRX permite ao condutor trocar de marchas manualmente por meio das paddle shifts instaladas atrás do volante.

Por fora, o veículo não tem alguns dos elementos que garantem esportividade ao STI, como o aerofólio traseiro e a entrada de ar dianteira, mas vem equipado com uma grade hexagonal integrada ao para-choque, identidade de design da marca. Os faróis são mais estreitos, em LED.

Assim como a versão mais apimentada, o WRX permite que o motorista optar por três modos de condução: Intelligent, Sport e Sport Shap.

O veículo vem equipado ainda com um sistema de controle direcional que, nas curvas, aplica uma leve pressão no freio da roda dianteira interna para reduzir o subesterço (saída de frente) e melhorar a resposta à direção. O modelo também conta com três modos de controle de tração e estabilidade.

O Subaru WRX apenas uma versão de acabamento que conta, entre seus principais itens de série, o teto solar elétrico, faróis de xenônio, rodas 18” de liga-leve, revestimento dos bancos em couro, ar-condicionado dual zone e detalhes de acabamento em carbono, entre outros.
Sitevip Internet