Olhar Direto

Sábado, 31 de outubro de 2020

Notícias / Esportes

Iraniana chora após ser proibida de protestar pelas mulheres de seu país

Hypeness

15 Ago 2016 - 16:05

Neste sábado, 13, o time masculino de volei do Irã venceu o Egito nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Mas o que era para ser motivo de alegrias, só trouxe decepção a uma das torcedoras que estava no local. Darya Safai portava uma faixa que dizia “Deixem as iranianas entrarem em seus estádios”, mas foi proibida de passar sua mensagem durante as Olimpíadas.

Darya vive na Bélgica atualmente e criou um grupo no Facebook para defender a entrada livre de mulheres iranianas nos estádios do país. A lei atual no Irã impõe severas restrições à entrada de mulheres nos estádios quando homens estão jogando.

Porém, as regras do Comitê Olímpico Internacional proíbem protestos políticos durante as competições e os seguranças do estádio pediram que Darya guardasse a faixa. Caso contrário, ela seria expulsa da partida. A iraniana chorou após a repreensão, mas garante que não irá desistir de expor sua mensagem para o mundo.

 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet